Mundial volta ao palco onde Timão foi campeão

Mundial volta ao palco onde Timão foi campeão

Por Meu Timão

3.8 mil visualizações 37 comentários Comunicar erro

Após dois anos, Mundial de Clubes volta a ser disputado no Japão

Após dois anos, Mundial de Clubes volta a ser disputado no Japão

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Na manhã desta quinta-feira, a FIFA anunciou que as duas próximas edições do Mundial de Clubes serão disputadas no Japão. Em 2013 e 2014, as partidas ocorreram no Marrocos e tiveram como campeões Bayern de Munique e Real Madrid, respectivamente.

Após dois anos, o torneio volta a ser disputado na terra do sol nascente que, por acaso, traz boas lembranças ao Corinthians, consagrado campeão mundial sobre o Chelsea em 2012, ano em que aconteceu a última decisão do campeonato no país.

"Este é um país com histórico comprovado quando se trata de receber eventos FIFA, incluindo seis edições no Mundial de Clubes, todas com sucesso. Nós sabemos que o ambiente será ótimo para a competição, com bons públicos e uma atmosfera maravilhosa", afirmou Valcke, secretário-geral da FIFA, no site da própria entidade.

Neste ano, a competição acontecerá entre os dias 10 e 20 de dezembro. Como anfitrião, o Japão terá um time garantido no torneio, além dos campeões das seis conhecidas confederações: América do Sul, Ásia, África, Concacaf, Europa e Oceania.

Veja Mais:

  • Andrés Sanchez e Carlos Elias detalharam informações de troca de ingressos para treino aberto

    Corinthians divulga informações do treino aberto na Arena antes de decisão contra Flamengo

    ver detalhes
  • Ídolo do Timão, Sócrates foi um dos pilares da Democracia Corinthiana

    Jornalista palmeirense sai em defesa da Democracia Corinthiana ao criticar Felipe Melo

    ver detalhes
  • Diego Tardelli, há quase quatro anos no Shandong Luneng, volta a ser especulado no Corinthians

    Contratação de Tardelli pelo Corinthians já havia sido especulada outras vezes; relembre

    ver detalhes
  • Paciência para construir, falta de pontaria na frente: o que dá pra tirar da virada diante do Sport

    Mais de 500 passes, 70% de posse, poucas finalizações: os números da virada corinthiana na Arena

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes