Tite admite surpresa: 'Não imaginei o resultado de hoje'

Tite admite surpresa: 'Não imaginei o resultado de hoje'

7.8 mil visualizações 202 comentários Comunicar erro

Técnico Tite admitiu não esperar resultado sofrido pelo Timão no Paraguai

Técnico Tite admitiu não esperar resultado sofrido pelo Timão no Paraguai

Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

Muito se falou sobre o Corinthians ter escolhido enfrentar o Guaraní por ser um time considerado mais fácil. Mas não foi o que se viu nos primeiros 90 minutos do confronto das oitavas da Libertadores, nesta quarta-feira.

Após o jogo, na coletiva de imprensa, o técnico Tite admitiu que não esperava o resultado de 2 a 0 no Paraguai.

"Tem de retomar padrão de confiança, no passe, na triangulação... Não imaginei o resultado de hoje. Sabíamos que fazer gol aqui era importante. Temos consciência de que com o carinho do nosso torcedor, dentro da nossa casa, podemos buscar esse resultado", disse.

Com 14 dias entre um jogo e outro para treinar, o esperado era que o Corinthians retomasse o bom futebol do início da temporada. O treinador, porém, acredita que mesmo sem retomar o padrão, a equipe tem condições de mudar o placar em casa.

"A equipe não retomou o padrão normal dela, isso é inconteste. O tamanho do prejuízo só saberemos após os 90 minutos em casa. Temos todas as condições de reverter, ou no mínimo igualar o resultado. Esteve abaixo de seu padrão normal, não foi como imaginamos. Foi um jogo equilibrado, com poucas oportunidades dos dois lados. O Guaraní teve efetividade", disse.

O técnico também falou sobre a segunda derrota consecutiva na temporada, algo que ainda não tinha acontecido.

"Nesse ano, é a fase mais complicada. Só tínhamos perdido uma vez antes. Claro que sim. A retomada do padrão nós precisamos. Às vezes você perde a confiança. É uma equipe que está se ajustando e se consolidando. A equipe teve um padrão médio até a hora do gol, depois tomou um placar que não imaginava", explicou.

Tite fez as três alterações possíveis na partida, mas todas depois que o time já sofria grande pressão do Guaraní.

"Sabíamos desde o começo que fazer gol fora era fundamental. O outro time não propôs muito o jogo, não se expôs, ficou um jogo mais amarrado e sem criatividade, infiltração das duas equipes. O gol acabou determinando uma mudança. Eu ia colocar o Love um pouquinho antes do Malcom, mas segurei o Luciano. As modificações foram para buscar efetividade, bola aérea", finalizou.

Veja Mais:

  • Jonathas passou por ressonância magnética em clínica de São Paulo nesta quinta à tarde

    Jonathas é submetido a exame fora do CT e vira dúvida no Corinthians

    ver detalhes
  • Gustavo Mosquito, de 21 anos, chega ao Corinthians ainda em setembro

    Corinthians já tem data para chegada e destino inicial definidos de atacante do Coritiba

    ver detalhes
  • Jair manteve a formação escolhida no treino desta quarta-feira

    Jair mantém formação do Corinthians sem centroavante e indica equipe para enfrentar o Internacional

    ver detalhes
  • Tite cumprimentou Amarilla em forma de protesto: "Fui cínico"

    De Amarilla a desabafo de Fagner: Timão também foi prejudicado em torneios recentes da Conmebol

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes