Organizada é condenada por homofobia contra Emerson Sheik

Organizada é condenada por homofobia contra Emerson Sheik

Por Meu Timão

Sheik receberá R$ 20 mil de torcida organizada do Timão por ato de homofobia em 2013

Sheik receberá R$ 20 mil de torcida organizada do Timão por ato de homofobia em 2013

Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

Uma das torcidas organizadas do Corinthians, a Fiel Torcida Camisa 12, foi condenada por homofobia contra o atacante Emerson Sheik. A torcida foi multada em R$ 20 mil reais. As informações são coluna Mônica Bergamo, da Folha de S. Paulo.

A condenação é refente ao famoso caso do "selinho" de Emerson Sheik, em 2013. O atacante postou uma imagem dando um selinho no amigo, o chef de cozinha Isaac Azar.

Na ocasião, após a publicação da imagem, os torcedores levaram faixas contra o jogador em um treino do Corinthians e exigiram desculpas da parte de Sheik. O atacante se reuniu com as organizadas e se desculpou.

A Camisa 12, no entanto, ainda pode entrar com recurso. Segundo a defesa da torcida, o ato não foi descriminatório. As manifestações foram apenas contra o fato de o jogador ter “desrespeitado companheiros de clube, o técnico e a torcida” após uma substituição em campo. O processo foi movido pela Secretaria da Justiça e da Defesa da Cidadania de São Paulo.

Veja Mais:

  • Marlone está deixando o Corinthians para atuar no Atlético-MG

    Postura de Marlone no dia a dia fez diretoria do Corinthians aceitar pedido de liberação de agente

    ver detalhes
  • Marlone fica por empréstimo até o final desta temporada

    Corinthians e Atlético-MG acertam troca entre Marlone e Clayton

    ver detalhes
  • Carille perdeu dez opções para o jogo desta quinta

    Corinthians tem dez desfalques para partida contra Red Bull Brasil; veja a lista

    ver detalhes
  • Carille não contou com Marlone no treino desta quarta-feira; jogador está de saída do Corinthians

    Marlone desfalca treino, e Carille escala Corinthians com sete jovens da base contra Red Bull

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes