Zagueiro critica 'reboliço' e questiona: 'Agora ninguém presta?'

Zagueiro critica 'reboliço' e questiona: 'Agora ninguém presta?'

Gil não gostou de ouvir criticas sobre a atuação contra o São Paulo e o Guaraní

Gil não gostou de ouvir criticas sobre a atuação contra o São Paulo e o Guaraní

Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

O clima foi tenso na sala de coletiva do CT Joaquim Grava nessa quinta-feira. Após a derrota para o Guaraní, o escolhido para representar o elenco alvinegro foi o zagueiro Gil. E ele respondeu com muita sabedoria a todas as perguntas feitas pelos jornalistas.

Para o jogador não é preciso fazer nenhuma mudança na equipe e as críticas por causa das últimas duas derrotas são um "reboliço".

"Não tem que fazer nada de diferente. Tem que continuar fazendo o que fazemos desde o começo do ano, trabalhando forte. Por que ontem não venceu, cria esse reboliço todo, mas estamos cientes de que vamos jogar para a nossa torcida. Estamos confiante, nossa torcida é primordial, vamos fazer o que vinhamos fazendo para poder conseguir esse placar e classificar", declarou.

O zagueiro demonstrou certa irritação com as críticas da imprensa e dos torcedores. Para ele, quando o time perde "ninguém mais sabe jogador futebol".

"Até por que quando ficamos aquela semana inteira jogando, não vi falar que nosso grupo era bom, era forte. Então, por causa de duas derrotas, então, ninguém presta, ninguém mais sabe jogar futebol", disse.

"No nosso grupo ninguém foge da responsabilidade, sabemos que temos que vencer, é isso que nos motiva. Claro que ficamos chateados, mas ninguém gosta de perder. Temos um grupo vencedor, sabemos que precisamos melhorar", finalizou.

Gil também falou sobre as dívidas do clube

Veja Mais:

  • Yago volta ao Corinthians na primeira semana de janeiro

    Após empréstimo, zagueiro é reintegrado ao Corinthians; Del'Amore no radar

    ver detalhes
  • Scarpa tem reunião marcada com empresários neste sábado

    Alvo do Corinthians, Scarpa agenda reunião com representantes para decidir futuro

    ver detalhes
  • Promoção da empresa Apito Promocional na camisa durante o Brasileirão 2012

    Corinthians mantém cobrança milionária contra ex-patrocinador; calote chega a cinco anos

    ver detalhes
  • Corinthians sabe da vontade do atacante e espera sinal do clube para avançar

    Corinthians aguarda sinal do Vitória para decidir situação de Tréllez até segunda-feira

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes