Às vésperas de decisão, atacante reconhece surpresa com Guaraní e quer Timão concentrado

Às vésperas de decisão, atacante reconhece surpresa com Guaraní e quer Timão concentrado

Por Meu Timão

Em entrevista, Love deu a 'receita' para o Timão reverter o placar e avançar na Taça Libertadores

Em entrevista, Love deu a 'receita' para o Timão reverter o placar e avançar na Taça Libertadores

Foto: Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians

O pensamento do elenco corinthiano até quarta-feira será um só: avançar para as quartas de finais da Copa Libertadores da América. Mas a tarefa não será nada fácil, já que o Timão precisa reverter a derrota por 2 a 0 do jogo de ida, disputado no Defensores del Chaco. Nesta segunda-feira, o atacante Vagner Love reconheceu que o Guaraní (PAR) apresentou um futebol acima de suas expectativas.

"Vimos alguns vídeos do Guaraní. Eu, particularmente, não conhecia, só depois que a comissão técnica passou os vídeos para a gente analisar. Mas a gente não sabia que o Guaraní tinha uma qualidade mais acima da média do que esperávamos, por ser um time do Paraguai", afirmou Love, durante participação no programa Seleção SporTV.

De acordo com o jogador, o Corinthians não esperava um time tão qualificado e, por isso, acabou surpreendido no primeiro confronto. "Às vezes, você pensa que vai ser um pouco melhor jogar com um time do Paraguai do que com um brasileiro, mas em oitavas de final de Libertadores você tem de entrar com tudo, com toda disposição e espírito para competir, porque não sabe o que vai encontrar. Por entrarmos lentos demais, fomos surpreendidos. Foi o que todo mundo pensou: 'Guarani do Paraguai não deve ser um grande time'. Se você não competir, acaba sendo surpreendido. Foi o que aconteceu", analisou o camisa 29.

Durante sua entrevista, Love negou que os jogadores do Timão entraram de 'salto alto' no jogo, com o pensamento de que poderiam voltar para o Brasil com uma vitória 'tranquila'. "Acho que foi excesso de confiança. A gente sabe da qualidade do nosso time e pensamos que a qualquer momento iríamos resolver o jogo, mas não é assim", contou o atacante, que ainda deu a receita para a classificação.

"Tem de entrar concentrado desde o início, senão você pega um time de qualidade como o Guaraní e se surpreende. Depois acordamos, tivemos chance de fazer um gol e empatar o jogo, mas infelizmente não conseguimos. E agora é jogar nossa vida, entrar concentrado, com esse excesso de confiança, só que ter a concentração de competir desde o início", completou.

O Corinthians entra em campo nesta quarta-feira, às 22h, na Arena Corinthians. O Timão precisa vencer por três gols de diferença, e não sofrer nenhum, para avançar às quartas. Caso marque dois gols, o duelo será definido nas penalidades máximas.

Veja Mais:

  • Fábio Carille não quer lesões e fará alterações contra o Patriotas

    Corinthians terá ao menos três modificações para o duelo com o Patriotas

    ver detalhes
  • Romero levou cartão amarelo contra o Grêmio

    Com nova suspensão, Corinthians tem desfalque confirmado para 11ª rodada do Brasileirão

    ver detalhes
  • Jogadores do Corinthians comemoraram (e muito!) gol de Jadson na Arena do Grêmio

    Paulo Roberto dá show, Cássio pega pênalti, Corinthians vence Grêmio e dispara rumo ao hepta

    ver detalhes
  • Comemoração do pênalti defendido pelo Cássio

    Na redação da Band, Neto comemora pênalti defendido por Cássio: 'AQUI É CORINTHIANS P...'

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes