Proposta da Itália garante a Cassini salário dez vez maior

Proposta da Itália garante a Cassini salário dez vez maior

Por Meu Timão

Cassini deve ganhar R$ 85 mil por mês no Palermo

Cassini deve ganhar R$ 85 mil por mês no Palermo

Foto: Rodrigo Coca / Agência Corinthians

O Corinthians ainda aguarda uma posição do Palermo, da Itália, sobre a compra do meia Matheus Cassini. O time do Parque São Jorge estipulou até a próxima quarta-feira como prazo para uma definição do clube italiano.

Se a venda for concretizada, Cassini vai ganhar um salário dez vezes maior do que o que ganha no Corinthians atualmente. O Palermo ofereceu 25 mil euros por mês, que dá aproximadamente R% 85 mil reais. Hoje, no Timão, o jovem ganha R$ 8 mil. O contrato oferecido ao jogador é de cinco anos.

O único empecilho na negociação é a forma de pagamento. O clube italiano quer pagar o 1,5 milhão de euros (cerca de R$ 5 milhões) em três parcelas - julho, setembro e janeiro de 2016 -, mas o Corinthians negou e disse só aceitar o pagamento à vista. A informação é do LANCENET!.

Como é dono de 70% dos direitos de Cassini, o Timão ficaria com cerca de R$ 3 milhões da negociação. Além disso, o clube brasileiro também garantiu 10% dos direitos do meia para possíves futuras transações.

Veja Mais:

  • Corinthians volta a brincar sobre confusão do Dérbi e promete novidade no uniforme

    Corinthians volta a brincar sobre confusão do Dérbi e promete novidade no uniforme

    ver detalhes
  • Furlan apita sexta partida do Corinthians na carreira

    Após polêmica no Dérbi, FPF define trio de arbitragem para próximo jogo do Corinthians

    ver detalhes
  • Roberto de Andrade assegurou que o espaço (acima do número) está livre para ser negociado

    Patrocinador não cumpre acordo e Corinthians já negocia espaço do uniforme

    ver detalhes
  • Jadson deve reestrear pelo Corinthians apenas na próxima quarta-feira

    Corinthians divulga lista de relacionados para pegar Mirassol sem nenhum meia

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes