Depois de reunião, Corinthians acerta venda de promessa alvinegra

Depois de reunião, Corinthians acerta venda de promessa alvinegra

Matheus Cassini não é mais jogador do Corinthians

Matheus Cassini não é mais jogador do Corinthians

Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

O Corinthians realizou na manhã desta terça-feira uma reunião para definir o futuro de Matheus Cassini. E, a decisão não é boa para a torcida alvinegra: o meia foi vendido para o Palermo, da Itália, segundo o agente do jogador.

O clube italiano aceitou a proposta do Corinthians e vai efetuar o pagamento pela compra à vista. Cassini foi vendido por 1,5 milhão de euros, que dá aproximadamente R$ 5,1 milhões. No entanto, o acordo é que o Palermo efetue o pagamento somente no dia 1º de julho. Até lá, a diretoria do Timão garante que não vai liberar o jogador.

Como o Corinthians é dono de 70% dos direitos econômicos do meia, vai receber cerca de R$ 3,5 milhões à vista. O novo contrato de Cassini com o time italiano tem duração de cinco anos. Matheus Cassini participou da reunião, logo após o treinamento desta manhã. Além dele, o presidente Roberto de Andrade e os agentes Nilson Moura e Edu Cornacini, representes do atleta.

Destaque do Timão nas categorias de base e no título da Copa São Paulo de Futebol Júnior deste ano, o meia de 19 anos não teve chances na equipe profissional nesta temporada. Depois de seu nome ser envolvido na polêmica transação, o técnico Tite o relacionou pela primeira vez e deixou o garoto no banco de reservas contra o Fluminense.

Veja Mais:

  • Guilherme foi o destaque da atividade coletiva pelo segundo dia consecutivo

    Dupla volta, e Oswaldo vê time titular brilhar em treino do Corinthians; veja a escalação

    ver detalhes
  • Jabá sentiu dor na coxa e deixou o treino do Corinthians mais cedo

    Léo Jabá se machuca em treino do Corinthians e deixa campo com dores na coxa

    ver detalhes
  • CT Joaquim Grava ganhou novidades

    Corinthians 'aposenta' decoração do centenário e dá cara nova ao CT Joaquim Grava

    ver detalhes
  • Torcidas organizadas propõem pacto pela paz em São Paulo

    Torcidas organizadas propõem pacto pela paz em São Paulo

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes