Diretor financeiro fala sobre manter 'Tradição do Corinthians'

Diretor financeiro fala sobre manter 'Tradição do Corinthians'

Por Meu Timão

Para Emerson Piovezan, Arena Corinthians foi ' Sonho caro'

Para Emerson Piovezan, Arena Corinthians foi ' Sonho caro'

Foto: Rodrigo Coca / Agência Corinthians

Na manhã desta quinta-feira, o diretor financeiro do Corinthians, Emerson Piovezan, participou de um evento ao vivo no Terra Esportes. Como a atual situação financeira do clube está complicada, alguns assuntos não puderam ser evitados.

Quanto aos atrasos, o diretor afirmou que existem seis jogadores (Ralf, Elias, Renato Augusto, Jadson, Danilo e Emerson Sheik) com problemas e imagem, e tentou explicar a individualidade de cada caso.

"Cada jogador tem um tipo de negociação: alguns negociam por direito de imagem dentro do próprio salário, outros fazem um contrato separado, outros têm uma empresa que faz os direitos de imagem", explicou. "O clube também exige que seja a maior parte dentro da carteria, em função de Justiça Trabalhista. E hoje temos até uma situação confortável quanto à Justiça trabalhita", completou.

Sobre a fase de renovação, com a saída de Paolo Guerrero e Emerson Sheik e a sondagem de outros jogadores do elenco, Piovezan ressaltou o legado do Corinthians e a ordem natural dos fatos.

"O Corinthians continua, as pessoas passam. Nós precisamos manter essa tradição do Corinthians, de formar ídolos", disse.

Em relação à Arena Corinthians ponderou sobre o valor material e emocional do maior investimento do clube do Parque São Jorge.

"Como gestor, é realmente muito caro. É um sonho caro, mas o Corinthians ainda vai se beneficiar, e muito, desse estádio. Como finanças, é uma coisa difícil, até pelas dificuldades que estamos com relação a CIDs. Se estivesse tudo em ordem, NR fechados e outras coisas que temos no planejamento, já estaria quase todo pago. Mas não foi assim. Essas coisas aconteceram, mas é algo que temos condições de bancar e pagar nos próximos 10, 15 anos", afirmou.

Além disso, destacou outro ponto positivo da Arena: o torcedor corinthiano.

"Só de renda, temos o torcedor que nunca nos abandonou. Agora a média de público é maior das que a gente tinha nos outros estádios", concluiu.

Veja Mais:

  • Desfalque diante do Vitória, Pablo está recuperado e deve viajar a Goiânia

    Treino do Corinthians tem rachão com 'morte súbita', 'desafio' a Clayson e disputa de pênaltis

    ver detalhes
  • Roberto (à esq.) está pessimista por negócio com Cicinho

    Roberto de Andrade esclarece especulações, vê Cicinho distante e abre o jogo sobre Nenê

    ver detalhes
  • Nenê foi oferecido nos últimos dias para a diretoria do Corinthians

    Nenê é oferecido ao Corinthians; até troca com dois jogadores alvinegros é sugerida

    ver detalhes
  • Desde agosto no Leganés, Luciano atuou em 27 jogos e marcou quatro gols, um deles sobre o Real Madrd

    Com sondagens de México e Turquia, corinthiano Luciano tem semana decisiva na Espanha

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes