Das Arenas da Copa, só a do Timão tem ocupação média acima de 50%

Das Arenas da Copa, só a do Timão tem ocupação média acima de 50%

Por Meu Timão

Arena Corinthians mantém taxa média de ocupação acima dos 50%

Arena Corinthians mantém taxa média de ocupação acima dos 50%

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Pouco mais de um ano depois da Copa do Mundo, a Arena Corinthians é a única que mantém a taxa média de ocupação acima dos 50%. Atualmente, 11 dos 12 estádios utilizados na competição não tem recebido público suficiente nem para lotar metade das arquibancadas.

Em um levantamento feito pelo jornal Estado de São Paulo, dos 37 jogos pós Copa, o clube recebeu uma média de 31 mil torcedores, o que corresponde a 65% da capacidade total, que é em torno de 48.000 lugares.

Depois da Arena Alvinegra, aparece o Mineirão, que mantém a média de 28 mil torcedores por jogo, que na maioria das vezes, é mandado pelo Cruzeiro.

Na outro extremo, como um dos exemplos da inatividade dos novos estádios, está a Arena Pantatal, na qual as obras não foram sequer finalizadas, apresentando média inferior a oito mil torcedores.

Enquanto a última partida da Arena Corinthians, entre Timão e Atlético-PR, reuniu 32.442 mil pagantes, quebrando um recorde de público do Corinthians no Brasileirão 2015, o jogo entre Cuiabá e Salgueiro, pela Série C do Campeonato Brasileiro, reuniu somente 391 torcedores na Arena Pantanal.

Além da Arena Pantanal, em Cuiabá, entre os piores resultados de público após a Copa, encontram-se a Arena das Dunas, em Natal; e Arena Pernambuco, em Recife.

Confira os números das Arenas utilizadas na Copa do Mundo de 2014

Arena Corinthians (São Paulo – SP)
Jogos pós Copa: 37
Custo total: R$ 1,08 bilhões
Capacidade: 48.000 mil
Média de público: 31 mil
Ocupação: 65%

Mineirão (Belo Horizonte – MG)
Jogos pós Copa: 38
Custo total: R$ 695 milhões
Capacidade: 65.000 mil
Média de público: 28 mil
Ocupação: 37%

Beira-Rio (Porto Alegre – RS)
Jogos pós Copa: 37
Custo total: R$ 366,3 milhões
Capacidade: 50.000 mil
Média de público: 23,3 mil
Ocupação: 36%

Maracanã (Rio de Janeiro – RJ)
Jogos pós Copa: 74
Custo total: R$ 1,05 bilhões
Capacidade: 78.800 mil
Média de público: 23,2 mil
Ocupação: 29%

Mané Garrincha (Brasília – DF)
Jogos pós Copa: 10
Custo total: R$ 1,4 bilhões
Capacidade: 72.800 mil
Média de público: 20,8 mil
Ocupação: 28%

Castelão (Fortaleza – CE)
Jogos pós Copa: 45
Custo total: R$ 518,6 milhões
Capacidade: 63.900 mil
Média de público: 17,8 mil
Ocupação: 28%

Arena da Amazônia (Manaus – AM)
Jogos pós Copa: 7
Custo total: R$ 660,5 milhões
Capacidade: 44.300 mil
Média de público: 17,3 mil
Ocupação: 38%

Arena Fonte Nova (Salvador – BA)
Jogos pós Copa: 32
Custo total: R$ 689,4 milhões
Capacidade: 48.000 mil
Média de público: 13,9 mil
Ocupação: 29%

Arena da Baixada (Curitiba – PR)
Jogos pós Copa: 32
Custo total: R$ 391,5 milhões
Capacidade: 43.000 mil
Média de público: 13 mil
Ocupação: 30%

Arena Pernambuco (Recife – PE)
Jogos pós Copa: 46
Custo total: R$ 532,6 milhões
Capacidade: 46.000 mil
Média de público: 10,5 mil
Ocupação: 23%

Arena das Dunas (Natal – RN)
Jogos pós Copa: 40
Custo total: R$ 400 milhões
Capacidade: 42.000 mil
Média de público: 7,8 mil
Ocupação: 18%

Arena Pantanal (Cuiabá – MT)
Jogos pós Copa: 33
Custo total: R$ 596,4 milhões
Capacidade: 44.000 mil
Média de público: 7,1 mil
Ocupação: 16%

*Levantamento feito pelo jornal Estado de São Paulo

Veja Mais:

  • Carille comanda o Corinthians apenas nesta segunda no Rio de Janeiro

    Sem jogo do Corinthians, domingo tem encontro importante na briga pelo título; veja jogos e tabela

    ver detalhes
  • Léo Príncipe, Maycon e Fagner estão na lista de jogadores divulgada pelo Corinthians

    Sem Pablo e Pedrinho, Corinthians relaciona 22 jogadores contra o Botafogo

    ver detalhes
  • O Timão bateu o Colo-Colo, neste sábado, em jogo dramático

    Mesmo prejudicado pela arbitragem, Corinthians conquista título inédito da Libertadores Feminina

    ver detalhes
  • O Timão venceu o Colo-Colo nos pênaltis na noite deste sábado

    Até rival torceu! Título inédito do Corinthians movimenta rede social; arbitragem é criticada

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes