Malcom elogia jogo coletivo e marcação pressão do Corinthians

Malcom elogia jogo coletivo e marcação pressão do Corinthians

Por Meu Timão

Malcom elogiou a postura corinthiana diante do Vasco

Malcom elogiou a postura corinthiana diante do Vasco

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Depois de enfrentar certa dificuldade no primeiro tempo, o Corinthians reencontrou seu bom futebol na segunda etapa e venceu o Vasco por 3 a 0, na última quarta-feira, em Itaquera, pelo Brasileirão. A atuação chegou a lembrar o ótimo desempenho do clube no início da temporada. Para o atacante Malcom, o jogo coletivo do Timão fez toda a diferença.

"Foi um jogo em que o Corinthians jogou muito com a bola e marcou muito sem", analisou o atleta, que também falou sobre a pressão imposta pelo Alvinegro, para retomar a posse de bola.

"O professor (Tite) costuma dizer para a gente: perde e pressiona. Isso fez muito bem para a gente, o que fez diferença. A gente perdia a bola, pressionava rápido e conseguia recuperar a bola", comentou.

Por mais que não tenha deixado sua marca, Malcom foi fundamental ao dar o belo passe que resultou no gol de Elias. Sobre sua participação no confronto, o garoto revelou um conselho de Renato Augusto.

"O Renato Augusto veio falar para mim que eu preciso querer mais a bola. Eu concordo plenamente com ele. Eu procurei flutuar mais porque o nosso time estava bem compacto, bem junto para fazer tabelas e conseguir os gols", explicou o atacante, que finalizou dizendo sobre como prefere jogar.

"Eu prefiro jogar aberto, fazer o facão. Como sou rápido, consigo identificar quando o Elias, o Renato (Augusto) e o Jadson, que têm muita qualidade, vão colocar a bola entre o zagueiro e o lateral. Agora estou me dando bem circulando, rodando, infiltrando entre os volantes do adversário", finalizou o jogador formado nas categorias de base corinthiana.

Com dez dias para descansar, Malcom e o Corinthians voltam a jogar no dia 09/08 (domingo) , contra o São Paulo, às 16 horas, no Morumbi. A partida é válida pela 17ª rodada da competição nacional.

Veja Mais:

  • Gaviões da Fiel foi a primeira das torcidas a chegar no Pacaembu neste domingo

    Organizadas chegam ao Pacaembu para ato em homenagem à Chapecoense

    ver detalhes
  • Kalil, à direita de Roberto de Andrade, pediu licença de 60 dias

    Vice-presidente solicita licença do cargo e dispara contra diretoria do Corinthians

    ver detalhes
  • Bruno César anotou o segundo gol na vitória por 2 a 0

    Ex-jogador do Corinthians marca golaço de falta e dedica à Chapecoense; veja o vídeo

    ver detalhes
  • Filha dá resposta sensacional ao pai palmeirense: 'Vai, Corinthians'

    Pai força garotinha a cantar música do Palmeiras, e ela surpreende com um 'Vai, Corinthians!'

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes