Renato Augusto compara torcidas de Corinthians e Flamengo

Renato Augusto compara torcidas de Corinthians e Flamengo

Por Meu Timão

45 mil visualizações 106 comentários Comunicar erro

Antes do Timão, Renato Augusto já passou pelo Flamengo

Antes do Timão, Renato Augusto já passou pelo Flamengo

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

No Corinthians desde 2013, o meio-campista Renato Augusto, que também já passou pelo Flamengo entre 2005 e 2008, destacou as diferenças entre duas torcidas consideradas as maiores do Brasil.

"Aqui (a pressão) é maior. O torcedor do Flamengo é muito apaixonado. Mas o corinthiano vive aquilo no clube. O flamenguista ama o Flamengo. O corinthiano vive. Você vê um jogo de quarta-feira às 16h e com 25 mil pessoas no estádio. Não é possível, é fora do comum", disse o atleta em participação ao programa "Cartão Verde", da TV Cultura.

"Um amigo meu vascaíno, antes do jogo nosso contra o Vasco (na semana passada), perguntou se o estádio estaria lotado. E eu respondi: ‘Cara, eu nunca joguei com estádio vazio aqui’. Nunca joguei. Eu acho impossível um estádio estar vazio em jogo do Corinthians", acrescentou.

Além disso, lembrando do "descanso" de dez dias pelo qual o elenco alvinegro está passando, entre a última partida - justamente contra o Vasco -, e a próxima - contra o São Paulo -, Renato Augusto falou sobre o cansaço em decorrência de uma grande sequência de jogos.

"Quando você está muito cansado, começa a perder o feeling, o tato da hora do passe. O Tite fala muito 'descoordenou', quando você começa a descoordenar muito, é quando está muito cansado. Então, esse descanso e o tempo para trabalhar é muito importante", afirmou o jogador.

"A família sofre também. Às vezes até torcemos para jogar no sábado, para poder almoçar com a família no domingo. Sábado em casa então é um sonho!", finalizou.

Veja Mais:

  • Antonio Roque Citadini quase não concorreu na eleição de fevereiro

    Citadini lamenta sobre eleição no Corinthians: 'Essa campanha sangrenta me tirou as chances'

    ver detalhes
  • Jean (ao centro) deve sair; lateral Romão também não convenceu comissão técnica

    Entenda por que diretoria do Corinthians ainda não se desfez de jogadores 'encostados' do elenco

    ver detalhes
  • Matheus Matias (à esq.) foi assunto na entrevista coletiva do diretor adjunto Duílio Monteiro

    Corinthians confirma porcentagem adquirida de Matheus e alerta: 'Tendência é ir devagar'

    ver detalhes
  • Mauro da Silva (auxiliar), Duílio Monteiro Alves (diretor-adjunto de futebol) e Alessandro (gerente) durante um dos treinos no CT

    Diretoria assume dificuldade por um 9: 'Futebol na América do Sul pagando salários de Europa'

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes