CBF estuda retorno do mata-mata ao Campeonato Brasileiro

CBF estuda retorno do mata-mata ao Campeonato Brasileiro

Por Meu Timão

'Novo' Brasileiro seria disputado nos moldes da Copa do Brasil; Tema será debatido somente em 2016

'Novo' Brasileiro seria disputado nos moldes da Copa do Brasil; Tema será debatido somente em 2016

Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

Motivo de amplos debates entre torcedores e profissionais do futebol, o retorno do mata-mata ao Campeonato Brasileiro começa a ganhar espaço na CBF (Confederação Brasileira de Futebol). A tentativa de viabilizar uma nova fórmula à competição nacional é vista com bons olhos por Marcelo Aro, diretor de ética e transparência da entidade.

“Estou disposto a sugerir a volta do mata-mata no Brasileiro, mas preciso primeiro que me mostrem como fazer isso de maneira viável", afirmou Marcelo Aro, durante o seminário “O Calendário do Futebol Brasileiro", realizado em Belo Horizonte.

Entretanto, o assunto não será debatido no momento, segundo o secretário-geral da CBF, Walter Feldman. A ideia é discutir o retorno da fórmula do mata-mata em um congresso, que deverá ser realizado pela entidade em janeiro de 2016. A informação é do jornalista Marcus Alves, do portal ESPN.com.br.

A mudança no formato da disputa do Campeonato Brasileiro ganhou o apoio do Atlético-MG. No primeiro semestre, a equipe mineira se reuniu com Rogério Cabloco, diretor financeiro da entidade máxima do futebol brasileiro, para discutir alternativas que promovam a competição e a deixem mais atrativa. Atlético-PR, Coritiba, Flamengo, Grêmio, Santos, Sport e Vasco também fizeram parte do encontro.

Bicampeão brasileiro desde 2003, quando se deu início à era dos pontos corridos, o Corinthians ainda não se pronunciou sobre o assunto. O discurso de Andrés Sanchez, atual superintendente de futebol do Timão, é para que haja uma reformulação do Campeonato Paulista, com menos rodadas e um período maior de pré-temporada.

Veja Mais:

  • Com contas aprovadas, Roberto de Andrade evitou novo processo de impeachment

    Em votação tensa, gestão de Roberto de Andrade tem finanças aprovadas por Conselho do Corinthians

    ver detalhes
  • Wladimir será o mais novo colunista do Meu Timão

    Herói de 77 será colunista do Meu Timão

    ver detalhes
  • Inaugurada em 2014, Arena tem custo total avaliado em R$ 1,6 bilhão

    Corinthians foi omisso com projeto da Arena, aponta auditoria

    ver detalhes
  • Arana se tornou um dos destaques do Corinthians nestes primeiros meses de 2017

    Sondagens da Europa, canetas e rótulo de 'melhor lateral de São Paulo': Guilherme Arana abre o jogo

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes