Jadson exalta regularidade e compara decisão na Copa do Brasil à lição vivida na Libertadores

Jadson exalta regularidade e compara decisão na Copa do Brasil à lição vivida na Libertadores

Por Meu Timão

2.4 mil visualizações 35 comentários Comunicar erro

Jadson relembrou partida contra o Guaraní, do Paraguai

Jadson relembrou partida contra o Guaraní, do Paraguai

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Consciente em relação à disputa na Copa do Brasil e na evolução no Campeonato Brasileiro - graças à união do grupo -, Jadson voltou a falar sobre o padrão de jogo, citado frequentemente pelo técnico Tite.

"Nossa equipe tem uma base de equilíbrio, está sendo efetiva, mas não é todo jogo que vamos conseguir realizar placares elásticos, ter grandes atuações. O importante é que está tendo um padrão de jogo, o que o Tite vem pedindo estamos fazendo nos jogos. Conseguindo os três pontos e por isso nossa equipe está subindo cada vez mais", ponderou o meia, em coletiva de imprensa nesta segunda-feira.

Apesar da regularidade reconquistada, o Corinthians encontra-se em uma situação parecida à vivida em maio, na eliminação da Libertadores, também nas oitavas de final, para o Guaraní, do Paraguai. Nesta quarta-feira, contra o Santos, o Timão tenta reverter o placar de 2 a 0 sofrido na Vila Belmiro.

"Libertadores e Copa do Brasil são campeonatos diferentes, apesar do mesmo placar. Na Libertadores, a pressão era muito maior, a gente vinha eliminado do Paulista, 2 a 0 contra o Guaraní, tínhamos a obrigação de ganhar. Por causa da pressão, da ansiedade, acabamos nos precipitando em algumas jogadas, não conseguimos realizar os gols no começo do jogo. Contra o Santos, nossa equipe está confiante, estamos bem no Brasileiro, isso pode ser um fator favorável para nós", analisou.

"Agora acho que a nossa equipe, depois de passar essas situações, Libertadores, entra e sai de jogadores, até no começo do Brasileiro falavam que íamos brigar pelo rebaixamento, meio da tabela. Pelo contrário, nossa equipe se uniu, entendeu o trabalho do time, nos fechamos, e é mérito do Tite por ter conseguido unir o grupo e dar essa arrancada aí no Brasileiro", acrescentou.

Líder no Brasileirão, com 43 pontos conquistados após a vitória por 3 a 0 sobre o Cruzeiro, neste domingo, o Corinthians vê a possilibidade de conquistar um bom resultado, dando sequência à boa fase.

"Nossa equipe está vivendo um grande Campeonato Brasileiro. Deixar a Copa do Brasil de lado não é legal. Todo campeonato tem que entrar para ser campeão. Todo mundo está focado no Brasileiro, ninguém está tirando o pé, estamos em busca do melhor para o Corinthians, o melhor é ser campeão de todos os campeonatos", arrematou Jadson.

Veja Mais:

  • Fabricio Oya marcou outra vez pelo Corinthians e ajudou a garantir a vaga na semi

    Com gols de artilheiros, Corinthians despacha Grêmio e vai à semifinal da Copinha

    ver detalhes
  • Roger se despediu dos seus companheiros na tarde desta sexta-feira no CT

    Sem espaço no Corinthians, Roger pede rescisão e é atendido pela diretoria

    ver detalhes
  • Marquinhos Gabriel foi anunciado como reforço do Cruzeiro

    Marquinhos Gabriel deixa Corinthians e é anunciado pelo Cruzeiro

    ver detalhes
  • Ramiro está confirmado por Carille e médicos do Corinthians para a partida deste domingo

    Carille confirma escalação do Corinthians para estreia do Paulistão; Ramiro tem situação atualizada

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes