Irônico, Andrés provoca Palmeiras e Valdivia

Irônico, Andrés provoca Palmeiras e Valdivia

Por Meu Timão

9.0 mil visualizações 74 comentários Comunicar erro

Andrés Sanchez provocou Valdivia em coletiva de imprensa nesta sexta

Andrés Sanchez provocou Valdivia em coletiva de imprensa nesta sexta

Foto: Gazeta Press

O ex-presidente do Corinthians, Andrés Sanchez, nunca teve papas na língua para falar dos adversários alvinegros. Nesta sexta-feira, em coletiva de imprensa para rebater acusações de favorecimento em relação a arbitragem do Campeonato Brasileiro, Sanchez aproveitou para distribuir provocação ao Palmeiras e ao meia Valdivia.

Sobre a partida deste domingo, o superintendente de futebol foi muito irônico e disse que o rival é o favorito no confronto. "Favorito é o Palmeiras. Corinthians é zebra. Vamos lutar para empatar o jogo ou perder de pouco", afirmou Andrés.

Já sobre o meia Valdivia, que usou seu Twitter para provocar o Timão na manhã desta sexta-feira, Andrés disse que o chinelo tem inveja e brincou com o apelido de "chinelinho" que o jogador carrega.

"Foi inveja, Valdivia nunca jogou no Corinthians. Mas temos licenciamento de chinelo, vamos mandar para o Catar ou sei lá onde ele está. Vários chinelos para ele não ter problema. Para colocar o pé, ficar geladinho", finalizou.

Veja Mais:

  • Timão levou gol bizarro em Campinas e só empatou com Red Bull

    Defesa bate cabeça, e Corinthians tropeça diante do Red Bull em noite de gols contra

    ver detalhes
  • Renê Júnior (à dir.) fez sua estreia como titular e deixou boa impressão

    'Salva' de tropeço, dupla corinthiana empata na escolha do craque da partida

    ver detalhes
  • Atuação de Romão em derrota para Ponte Preta preocupou comissão técnica

    Após contratar Juninho, Corinthians busca novo lateral-esquerdo no mercado; Carille explica

    ver detalhes
  • Autora da obra, Katia Bagnarelli é viúva do eterno Doutor

    História de Sócrates é celebrada em lançamento de autobiografia nesta segunda-feira

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes