Dupla que deve substituir Gil e Fagner tem retrospecto excelente no Timão

Dupla que deve substituir Gil e Fagner tem retrospecto excelente no Timão

Juntos, Dracena e Edílson só sofreram quatro gols em 11 jogos do Corinthians

Juntos, Dracena e Edílson só sofreram quatro gols em 11 jogos do Corinthians

Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

O técnico Tite ganhou duas dores de cabeça na partida contra o Palmeiras neste domingo. O zagueiro Gil e o lateral Fagner receberam os terceiros cartões amarelos e estão suspensos contra o Grêmio.

Porém, se depender dos números, o comandante alvinegro não precisa se preocupar. Os prováveis substitutos da dupla - Edu Dracena e Edílson - possuem um retrospecto excelente quando atuam juntos no Timão.

A dupla já entrou em campo 11 vezes como titulares durante esta temporada e segue invicta, com um aproveitamento de 81%. Até agora, foram oito vitórias e três empates. No entanto, o que mais surpreende é que, em todos esses jogos, o Timão só sofreu quatro gols com Edílson e Dracena jogando juntos.

Como a comissão técnica optou por dar folga a boa parte do elenco nesta segunda-feira, o primeiro e único treino em que o treinador definirá a equipe contra o Grêmio acontece nesta terça-feira, no período da tarde.

Números do Corinthians com Edílson e Edu Dracena titular em 2015

Jogos disputados: 11
Pontos Conquistados: 27
Aproveitamento: 81.82%
Vitórias: 8
Empates: 3
Derrotas: 0
Gol a favor: 14
Gols contra: 4
Amarelos para Edílson: 4
Amarelos para Edu Dracena: 2

Veja Mais:

  • Michel (à esq.) e o sobrinho foram ao Maracanã naquele 23 de outubro

    Terceiro corinthiano solto no Rio desabafa: 'Fui pra ver o jogo, não pra brigar'

    ver detalhes
  • Torcedores na Arena poderão adicionar patch da Chapecoense em camisas

    Loja da Arena irá personalizar grátis camisas em homenagem à Chapecoense

    ver detalhes
  • Corinthians já definiu profissionais que devem permanecer e ser negociados

    Isaac, Mendoza, Oswaldo... Confira quem chega e quem sai do Corinthians

    ver detalhes
  • É tudo política, estúpido!

    [Marco Bello] É tudo política, estúpido!

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes