Mesmo vencendo, Tite critica tempo de recuperação do adversário do Timão

Mesmo vencendo, Tite critica tempo de recuperação do adversário do Timão

Por Meu Timão

2.4 mil visualizações 35 comentários Comunicar erro

Tite se opôs à situação sofrida pelo Joinville

Tite se opôs à situação sofrida pelo Joinville

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Na 24ª rodada do Campeonato Brasileiro, o adversário do Corinthians deste domingo encontrou adversidades. A partida do Joinville contra a Chapecoense estava prevista para a última a quarta-feira, às 21h. Entretanto, o mau tempo em Chapecó impediu que o time viajasse a Florianópolis e assim, o jogo foi adiado pela CBF (Conferedação Brasileira de Futebol) por 24h.

Dessa forma, o elenco do Joinville não pôde respeitar o intervalo de 72h recomendado entre os jogos. Por isso, o técnico Tite, mesmo após o Corinthians ter vencido seu rival por 3 a 0, se opôs ao calendário e criticou o curto tempo de recuperação do adversário.

"É desumano jogar na quinta-feira e domingo. Eu sei que foi um caso atípico, mas não pode. Qualquer que seja a equipe, não pode ter esse tipo de enfrentamento. Eu gostaria que vocês entrevistassem fisiologistas de futebol não treinadores. Tem que transferir para outra data", afirmou o treinador, em coletiva de imprensa na Arena Corinthians.

Na 23ª rodada, o mesmo aconteceu com o Cruzeiro. Seu adversário na partida de domingo, Figueirense, havia entrado em campo na quinta-feira anterior, pela 22ª rodada, não seguindo as recomendações de recuperação e sofrendo uma goleada de 5 a 1, após demonstrar desgaste no segundo tempo.

Sobre o duelo realizado às 11h da manhã - pela primeira vez para o Timão -, Tite contou como reagiu com a mudança. "É a minha primeira experiência em domingo de manhã. Acordei as três da manha pensando em tomar café, acordei mais duas vezes até despertar", revelou.

O técnico também aproveitou para felicitar a organização do Alvinegro e de cada departamento responsável pela preparação dos jogadores para atuarem em um horário incomum até então.

"Parabéns ao departamento médico, físico, à nossa nutricionista, os cozinheiros, que fizeram um trabalho excelente antes da partida. O torcedor corinthiano não imagina o quando de trabalho que esses pessoas fazem, vocês não imaginam. Se você não tiver energia, se não tiver essa capacidade de concentração, não sai... A vitória é de todos eles. Parabéns também aos jogadores, pela concentração em campo", finalizou.

Veja Mais:

  • Vôlei alvinegro começa sua caminhada na Superliga nesta semana

    Brasileirão, estreia na Superliga e final no feminino: a semana de compromissos do Corinthians

    ver detalhes
  • Roger marcou o segundo gol corinthiano no duelo deste domingo

    Corinthians vira nos acréscimos, mas ainda leva gol de empate e tropeça no Vitória

    ver detalhes
  • Corinthians empatou com o Vitória em 2 a 2 nesta rodada

    Concorrentes tropeçam, e Corinthians abre leve distância para Z4; veja classificação

    ver detalhes
  • Ralf foi eleito craque da partida no entendimento dos torcedores do Corinthians

    Veteranos são eleitos 'craques' do Corinthians no Barradão; Avelar beira nota zero

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes