'Garçom' do Brasileirão, Jadson credita rendimento em 2015 ao técnico Tite

'Garçom' do Brasileirão, Jadson credita rendimento em 2015 ao técnico Tite

Por Meu Timão

Jadson elogiou o técnico Tite

Jadson elogiou o técnico Tite

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Líder no ranking de assistências do Campeonato Brasileiro - somando oito, à frente de Giovanni Augusto, do Atlético MG e Giuliano, do Grêmio, ambos com sete -, o meio-campista Jadson vive uma das melhores fases de sua carreira. Artilheiro do Timão em 2015 - com 14 gols - e vice-artilheiro do Brasileirão - com 11, atrás apenas do santista Ricardo Oliveira, com 17 gols - o jogador projetou esta meta desde o início da temporada.

"Desde o começo do ano, coloquei algumas metas para mim. O comprometimento com o trabalho e com a comissão técnica ajudaram, a preparação física me ajudou muito no começo do ano, o Tite me deu confiança. Isso me ajudou a ter uma sequência boa. A regularidade é uma meta que eu tinha e estou conseguindo. Foram essas metas que coloquei, de regularidade, comprometimento e foco para conseguir um título pelo Corinthians", afirmou Jadson.

As marcas atingidas na competição nacional significam que o jogador teve participação direta em 19 dos 48 gols do Corinthians no torneio, quase 40% de todos os tentos da equipe. Todos esses números, Jadson credita ao técnico Tite.

"Ele (Tite) é responsável por 90% do meu rendimento nos jogos, é um treinador excepcional, consegue entender os jogadores, sempre quando fala é olho a olho, conversa com quem está saindo. Isso é bacana, os jogadores se dedicam mais e veem que tem transparência na comissão técnica. Todos falavam muito bem dele e hoje estou comprovando", revelou.

Desde que chegou ao Corinthians, no início de 2014, Jadson fez 91 jogos oficiais, marcou 21 gols e deu 32 assistências. Só nesta temporada, foram 49 partidas, 14 gols e 19 assistências. Antes do Timão, o jogador passou por clubes como Atlético-PR, Shakhtar Donetsk e São Paulo.

"Em cada clube que passei tive uma fase boa e consegui títulos, consegui reconhecimento. Deixei uma parte na história do clube. Aqui no Corinthians estou vivendo uma grande fase. Tenho uma chance de conquistar o título pelo Corinthians. Estou bem focado, é melhor momento aqui no Corinthians, pretendo continuar dessa maneira. Um dos meus objetivos era manter a regularidade no ano todo", concluiu o meia.

Veja Mais:

  • Centroavante Jô, 'Rei dos Clássicos', voltou a deixar o dele neste domingo

    Corinthians despacha São Paulo e vai à final do Paulistão contra Ponte Preta

    ver detalhes
  • Jô foi eleito o melhor em campo no clássico deste domingo

    Jô, Pablo e Jadson brigam pela melhor avaliação nas notas da torcida

    ver detalhes
  • Sem ser relacionado há seis partidas no Timão, Guilherme tem acerto encaminhado com o Atlético-PR

    Presidente confirma: Corinthians encaminha empréstimo do meia Guilherme

    ver detalhes
  • Carille tem oito titulares pendurados para primeira final contra a Ponte

    Oito dos dez titulares de linha do Corinthians entram pendurados na decisão do Paulista

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes