Negativa de Neto pode fazer Besiktas aumentar esforço para ter Cássio

Negativa de Neto pode fazer Besiktas aumentar esforço para ter Cássio

Por Meu Timão

52 mil visualizações 223 comentários Comunicar erro

Cássio pode ir para a Turquia em 2016

Cássio pode ir para a Turquia em 2016

Foto: Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians

O Besiktas, da Turquia, pode investir ainda mais para ter o goleiro Cássio em seu elenco nessa temporada. Isso porque, segundo a imprensa italiano, o time turco recebeu uma negativa em relação ao goleiro Neto, que está na Juventus.

Atualmente, o Besiktas tem como titular o goleiro Tolga Zengin, que tem 32 anos e é capitão do time. A ideia é trazer alguém para ser seu substituto. Cássio é uma das opções e Neto era a outra.

O time italiano, porém, não liberou o jogador que atuou no Atlético-PR aqui no Brasil. Neto é reserva do experiente Buffon e a diretoria italiana tem receio de que ele se machuque e, por isso, não está disposta a abrir mão de Neto.

Cássio, por outro lado, já aceitou a proposta e se mostrou interessado em reforçar o Besiktas. O goleiro, inclusive, já pediu para a diretoria do Timão não dificultar o negócio. O Corinthians afirma que ainda não recebeu uma proposta oficial pelo camisa 12.

Até o momento, o Timão já perdeu os meias Renato Augusto e Jadson, o volante Ralf e o atacante Vagner Love.

Veja Mais:

  • Fábio Carille exibe a taça de heptacampeão brasileiro; treinador seguirá carreira na Ásia

    Fábio Carille deixa Corinthians e acerta com Al-Wehda, da Arábia Saudita

    ver detalhes
  • Osmar Loss (à esq.) sucede Carille no comando técnico do Corinthians

    Osmar Loss assume Corinthians após saída de Carille; estreia acontece nesta quinta

    ver detalhes
  • Carille, agora ex-Corinthians, acertou com Al-Wehda, do mundo árabe

    Corinthians divulga vídeo de agradecimento a Carille

    ver detalhes
  • Titulares do Corinthians foram a campo nesta terça-feira

    Titulares vão a campo, mas Carille não esboça time; jovem ganha atenção especial no fim do treino

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes