Há exatos oito anos, Alessandro estreava com a camisa do Timão

Há exatos oito anos, Alessandro estreava com a camisa do Timão

Por Meu Timão

1.2 mil visualizações 33 comentários Comunicar erro

Alessandro levantou a taça do Mundial em 2012

Alessandro levantou a taça do Mundial em 2012

Foto: Agência Corinthians

Há exatos oito anos- no dia 17 de janeiro de 2008- uma grande ídolo vestia pela primeira vez o manto para estrear pelo Timão. Capitão das conquistas da Libertadores e do Mundial de Clubes da FIFA de 2012, Alessandro fez história no clube durante as seis temporadas que atuou.

Pelo Campeonato Paulista de 2008, o lateral-direito atuou na vitória por 3 a 0 sobre o Guarani, no Morumbi. Dando assim início a uma carreira vitoriosa na equipe do Parque São Jorge.

O ídolo chegou ao clube em um ano conturbado. Sob o comando do técnico Mano Menezes, o Timão teria a disputa da Série B do Brasileiro pela frente e o jogador foi visto como uma solução para o meio de campo da equipe. Porém, com um período de treinamentos e jogos se encontrou em sua posição de origem.

Alessandro virou um dos símbolos da volta por cima alvinegra. Como jogador foi peça constante da equipe titular que conquistou o nacional e garantiu o regresso do Timão à elite do futebol em 2008. Sem perder a sequência, garantiu os canecos do Campeonato Paulista e da Copa do Brasil no ano seguinte.

Dia a dia de clube, o ex-jogador foi caindo nas graças da Fiel com muita raça e determinação na marcação. Em 2011 foi um marco. Alessandro passou a usar a braçadeira de capitão, ano em que o Corinthians garantia o penta brasileiro. Já Em 2012, o Alvinegro chegou ao topo da América e do mundo, e Alessandro foi eternizado como o jogador que levantou ambas as taças.

Em 2013, ano que encerrou sua carreira, o camisa 2 ainda ergueu o troféu de campeão paulista. Alessandro também foi campeão da Recopa Sul-Americana e decidiu parar com o futebol.

Em seis temporadas vestindo o manto alvinegro, Alessandro fez 258 jogos, marcou quatro gols e conquistou oito títulos. Mesmo após pendurar as chuteiras, o eterno capitão alvinegro continua ligado ao Timão e atualmente coordena o trabalho de integração da base com a equipe profissional.

Veja Mais:

  • Timão viu Internacional ser superior e vencer com gol aos 46 minutos do segundo tempo

    Corinthians perde colocações no Brasileirão após revés para Internacional; veja tabela

    ver detalhes
  • Zaga de Loss bateu cabeça no Sul e perdeu a segunda seguida

    Defesa falha, Corinthians cede virada ao Internacional e perde a segunda com Loss

    ver detalhes
  • Em tarde ruim, Timão decepcionou no Sul e levou virada por 2 a 1

    Torcida do Corinthians elege 'vilões' de derrota para Internacional; Vital se salva

    ver detalhes
  • Mantuan chorou bastante após o término do jogo

    Nas redes sociais, colegas e Loss dão força a Mantuan; irmão manda recado emotivo

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes