Edu Gaspar se esquiva sobre futuro de Cristian no Timão

Edu Gaspar se esquiva sobre futuro de Cristian no Timão

Por Meu Timão

Fora dos planos de Tite, Cristian ainda não tem futuro definido

Fora dos planos de Tite, Cristian ainda não tem futuro definido

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

O Corinthians ainda não definiu qual será o futuro do volante Cristian. Criticado por parte da torcida alvinegra pelas atuações aquém do ideal, o meio-campista ainda se recupera de uma lesão na panturrilha sofrida no amistoso com o Fort Lauderdale Strikers (EUA), no último dia 23, nos Estados Unidos. Nesta terça-feira, o gerente de futebol do Timão, Edu Gaspar, evitou dar pistas sobre a situação do camisa 16.

“Não só ele, mas estamos abertos a conversar sobre qualquer jogador”, afirmou o dirigente em entrevista coletiva. Separado do elenco, Cristian tem feito exercícios específicos de fisioterapia para fortalecer a panturrilha. A princípio, ele não está nos planos do técnico Tite para a sequência da temporada e deve ser emprestado para recuperar o bom futebol.

A possibilidade foi adiantada pelo próprio treinador do Corinthians, que revelou ter conversado em particular com o volante. “Eu chamei o Cristian e falei que ele não seria inscrito (no Paulistão), que eu precisava de outros atletas. Tem um lado humano difícil, mas vejo necessidade de ele jogar mais, retomar o padrão normal”, esclareceu o comandante.

Segundo o jornalista Jorge Nicola, do portal Yahoo! Esportes, a diretoria do Timão estaria interessada na troca de Cristian pelo volante Edson, do Fluminense. Questionado sobre a possível negociação, Gaspar foi direto. “O Corinthians, tenho que usar a frase que a gente sempre usa, não pode fechar as portas. Às vezes aparecem situações, estamos atentos como sempre”.

Após uma longa passagem pelo futebol turco, Cristian voltou ao Corinthians no fim de 2014 com status de ídolo. No entanto, por conta da forte concorrência no meio de campo alvinegro e das frequentes lesões, não conseguiu justificar sua contratação. Com um dos maiores salários do elenco (cerca de R$ 420 mil mensais), disputou apenas 26 partidas e marcou dois gols.

Veja Mais:

  • Jô passou em branco nesta noite de quarta, diante do Grêmio

    Corinthians não cria, apenas empata com Grêmio na Arena, mas mantém vantagem na liderança

    ver detalhes
  • Pablo está se recuperando de uma contratura muscular na coxa

    Agente de Pablo fala em prioridade do Corinthians e afirma: 'Só chamar para assinar'

    ver detalhes
  • Corinthians de Romero corre risco de ver Santos se aproximar

    Corinthians mantém diferença, mas tem de secar rival nesta quinta; veja classificação atualizada

    ver detalhes
  • Rodriguinho foi eleito o pior em campo

    Carille e dupla de meias são eleitos vilões de tropeço do Corinthians contra Grêmio

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes