Em alta, Felipe brinca sobre apelido e credita sucesso a Tite

Em alta, Felipe brinca sobre apelido e credita sucesso a Tite

Por Meu Timão

13 mil visualizações 65 comentários Comunicar erro

Campeão brasileiro como titular, Felipe vive melhor momento na carreira em 2016

Campeão brasileiro como titular, Felipe vive melhor momento na carreira em 2016

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

O zagueiro Felipe parece ainda não acreditar no rumo de sua recente e promissora carreira. Antes reserva e questionado por parte da torcida corinthiana, o defensor ganhou a confiança do técnico Tite, se firmou como titular e foi convocado pela primeira vez para defender a Seleção Brasileira. Sorridente, o jogador comentou seu bom momento ao canal oficial do Timão no Youtube.

“Cheguei em 2012, vindo do Bragantino, e aí o Tite, um cara fantástico, observador demais, sempre me apoiou. Ele sempre conversava comigo que eu não estava pronto e iria fazer um trabalho. Esse trabalho deu muito certo e é um cara que sempre acreditou no meu trabalho, sempre veio falando que estava crescendo muito e pra eu almejar coisas muito grandes porque eu tinha estrela”, contou Felipe, que concedeu entrevista após a vitória por 1 a 0 sobre o Ituano, sábado passado, na Arena.

Felipe foi chamado por Dunga para a partida entre Brasil e Paraguai, na noite desta terça-feira, às 21h45 (horário de Brasília), no Defensores del Chaco. A convocação do camisa 28 se deu após a suspensão de David Luiz, que recebeu o segundo cartão amarelo nas Eliminatórias Sul-Americanas à Copa de 2018. Sem esconder a felicidade, o corinthiano relatou o momento em que recebeu a notícia.

“Estava dormindo. E aí, quando foi umas 9h20 da manhã, começou a tocar o telefone, o meu estava no vibra e não consegui ver. Ela (esposa) levantou e, por acaso, foi ver meu celular, aí estava a mensagem, ela já me mostrou na hora... Eu não sabia o que fazer. Aos poucos fui respirando, fui vendo que caiu a ficha”, afirmou.

Por fim, o atleta de 26 anos ainda falou sobre o apelido dado pela Fiel: “Sergio Ramos de Itaquera”, em referência ao zagueiro do Real Madrid (ESP) e da seleção espanhola. “Acho muito legal (risos). É um fantástico jogador. Muita gente me chama de Sergio Ramos de Itaquera. Eu aceito normalmente, é uma brincadeira, gosto. Um cara que é pra se espelhar também”, concluiu, em tom bem humorado.

Assista à entrevista do canal oficial do Timão no Youtube com Felipe

Veja Mais:

  • Roger marcou segundo gol corinthiano já nos acréscimos

    Corinthians vira nos acréscimos, mas ainda leva gol de empate e tropeça no Vitória

    ver detalhes
  • Clayson levou o terceiro cartão amarelo e não enfrenta o Bahia, sábado, na Arena

    Corinthians perde dois atacantes para o jogo contra o Bahia pelo segundo cartão amarelo

    ver detalhes
  • Adriana marcou gol da vitória do Corinthians na primeira final do Brasileirão Feminino

    Corinthians vence final fora de casa e fica a um empate de título inédito do Brasileiro Feminino

    ver detalhes
  • André Luis está perto de se tornar reforço do Corinthians para 2019

    Veja o que torcedores da Ponte Preta estão falando sobre atacante que deve reforçar Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes