Cássio relembra campanha do título de 2012 para destacar importância do empate no Uruguai

Cássio relembra campanha do título de 2012 para destacar importância do empate no Uruguai

Por Meu Timão

Cássio relembrou o duelo contra o Emelec pelas oitavas de final de 2012

Cássio relembrou o duelo contra o Emelec pelas oitavas de final de 2012

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Após o jogo desta quarta-feira, Cássio foi um dos jogadores que mais enalteceu o resultado conquistado em Montevidéu, no Uruguai. Além de destacar o empenho da equipe e comemorar o empate, o goleiro lembrou que na campanha do título em 2012 o Corinthians também estreou na fase de mata-mata com um empate sem gols antes de jogar em casa e conseguir uma vitória tranquila.

“Se for ver o histórico, porque sempre citam as coisas ruins, é bom ver as boas também. O legal é que na caminhada para ser campeão de 2012 conseguimos um empate, ficamos com um jogador a menos, mas conseguimos o empate e depois conseguimos uma grande vitória”, disse o jogador

Cássio se refere ao confronto contra o Emelec, pelas oitavas de final da Libertadores de 2012. No dia 2 de maio daquele ano, o Timão foi até Guayaquil, no Equador, e, mesmo com Jorge Henrique expulso, conseguiu segurar a pressão do adversário para manter o empate sem gols.

No jogo de volta, na semana seguinte, o Corinthians garantiu sua classificação às quartas de final com uma vitória por 3 a 0 no Estádio do Pacaembu.

Contrariando o goleiro, que disse que geralmente apenas as coisas ruins são lembradas, o Meu Timão fez uma análise na última segunda-feira das coincidências nas campanhas da equipes de 2012 e de 2016. A principal delas é quem nos dois anos o clube do Parque São Jorge iniciou a trajetória no mata-mata da Libertadores após uma eliminação inesperada no Paulista.

Veja Mais:

  • Gustavo Scarpa está negociando com o Corinthians para 2018

    Arquirrival perde força, e Corinthians volta ao páreo pela contratação de Scarpa

    ver detalhes
  • Flávio Adauto não é mais diretor de futebol do Corinthians

    Em nota oficial, Corinthians anuncia saída de Adauto e Piovesan

    ver detalhes
  • Andrade permanece à frente do Corinthians apenas até fevereiro de 2018

    Corinthians estima superávit em 2018; clube pretende arrecadar R$ 50 milhões em vendas

    ver detalhes
  • Alessandro falou sobre o planejamento do Corinthians para 2018

    Alessandro explica busca de reforços e comenta volta de dois emprestados: 'Díficil'

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes