Ao contrário de Tite, Giovanni Augusto vê Corinthians entre os favoritos do Brasileirão

3.4 mil visualizações 39 comentários

Por Lucas Mariano

Giovanni Augusto marcou o gol da vitória do Corinthians nesta quarta-feira

Giovanni Augusto marcou o gol da vitória do Corinthians nesta quarta-feira

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Depois da vitória no clássico contra o Santos, nesta quarta-feira, Tite evitou a falar sobre favoritismo após ser questionado se o terceiro triunfo consecutivo colocava o Corinthians na briga pelo título do Campeonato Brasileiro. Giovanni Augusto, no entanto, não viu problema em falar sobre o assunto e afirmou que as equipes que estão no G-4 atualmente podem ter mais chances de se tornarem campeãs no final do ano.

“Pelo que as equipes estão demonstrando, sem dúvidas são favoritas. Apesar de o campeonato estar começando, acho que as que conseguiram fazer um bom campeonato logo de cara, vai fazer diferença. Creio que algumas equipes ainda estão procurando o time ideal, então os times do G-4 devem saber aproveitar isso para se distanciar delas”, avaliou o meio-campista em conversa com os jornalistas nesta quinta-feira, no CT Joaquim Grava.

Atualmente, o clube do Parque São Jorge é o terceiro colocado na tabela de classificação da competição nacional. Internacional e Grêmio estão na primeira e na segunda posição, respectivamente. Já o quarto lugar é ocupado pela Chapecoense.

A três pontos do líder, o Corinthians buscará a quarta vitória consecutiva neste sábado, contra o Coritiba, novamente na Arena em Itaquera. Para Giovanni Augusto, os últimos jogos em sequência aumentaram o desgaste, porém as vitorias contribuem para a equipe “esqueça” o cansaço.

"Acho que nossa equipe está bem fisicamente, apesar dos dois jogos as 11 horas. Quando a gente consegue vencer, a gente acaba meio que esquecendo essa parte do cansaço. Acho que para o jogo de sábado nossa equipe estará descansada até porque temos bons profissionais aqui dentro que acompanham nossa recuperação. Não tem como fugir disso infelizmente pelo calendário do futebol brasileiro, que é muito apertado", concluiu o jogador.

Veja Mais:

  • Zagueiro Bruno Méndez está há mais de um ano no Corinthians

    Fifa de olho: Corinthians tem até julho para pagar Wanderers; promessa é quitar nos próximos dias

    ver detalhes
  • Por que esses são os corinthianos mais odiados por Palmeiras, São Paulo e Santos?

    VÍDEO: Por que esses são os corinthianos mais odiados por Palmeiras, São Paulo e Santos?

    ver detalhes
  • Antes da pandemia do novo coronavírus, clube fechou 2019 com déficit de R$ 177 milhões

    Corinthians e outros clube devem ter 'dificuldades de entrar em campo' em 2021, alerta economista

    ver detalhes
  • Volante Ralf foi apresentado no Avaí nesta sexta-feira

    Ralf se diz marcado na história do Corinthians e cita 'página virada' ao vestir camisa do Avaí

    ver detalhes
  • O que ouvimos sobre o novo reforço do Corinthians

    VÍDEO: O que ouvimos sobre o novo reforço do Corinthians

    ver detalhes
  • [Lucas Faraldo] Os sonhos do Corinthians por Tevez e Jô

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: