Corinthians segue tentando receber dinheiro de patrocínio de 2012

Corinthians segue tentando receber dinheiro de patrocínio de 2012

Por Meu TImão

Romarinho castigou o Palmeiras exibindo a marca da campanha 'Viaje com o Timão para o Japão'

Romarinho castigou o Palmeiras exibindo a marca da campanha 'Viaje com o Timão para o Japão'

Foto: Rodrigo Coca/Ag. Corinthians - 16/9/12

O departamento jurídico do Corinthians continua em sua luta para receber o dinheiro de um patrocínio que teve na camisa nos meses que antecederam a conquista do Mundial de 2012. A empresa Apito Promocional, que estampou sua marca no uniforme, pagou apenas pequena parte do valor acordado.

A parceria teve a duração de sete jogos, todos do Campeonato Brasileiro, com preço estipulado em R$ 1,6 milhão. Só R$ 500 mil foram pagos. O que o clube espera ver ainda, com a correção monetária e os juros, está hoje perto dos R$ 3 milhões.

A Apito Promocional realizou a campanha “Viaje com o Timão para o Japão”, vendendo pacotes para a disputa do Mundial, que seria vencido pelo Corinthians em dezembro. A ação não engrenou e foi abortada no meio do caminho.

De acordo com a empresa, os custos operacionais da fracassada tentativa ultrapassaram os R$ 3 milhões, motivo pelo qual não foi possível honrar o compromisso. De lá para cá, a agremiação do Parque São Jorge vai tentando receber o dinheiro por meio da Justiça.

Houve, segundo o site ESPN.com.br, uma tentativa de acordo em 2014, mas a Apito Promocional ofereceu apenas R$ 50 mil, em cinco parcelas de R$ 10 mil. Já em 2015, a 19a Vara do Foro Central Cível deu decisão favorável ao Corinthians.

A grana, no entanto, ainda não caiu. O pedido de penhora das contas da empresa não surtiu efeito, porque não há dinheiro nelas. Por isso, o clube pediu que a penhora indicasse não só a pessoa jurídica mas também o sócio indicado na Junta Comercial do Estado de São Paulo (Jucesp). O pedido foi negado, e a briga continua.

Veja Mais:

  • Guilherme diz ser meia-atacante; posição como meia-central do 4-1-4-1 não agrada

    Guilherme abre o jogo, se vê prejudicado por esquema e pede sequência no Corinthians

    ver detalhes
  • Love marcou 14 gols no Brasileirão 2015, abaixo apenas de Ricardo Oliveira, artilheiro

    Na Turquia, ex-Corinthians supera Eto'o e briga pela artilharia do campeonato

    ver detalhes
  • Pablo, Maycon, Léo Jabá... Corinthianos comemoram virada nas redes sociais

    Pablo, Maycon, Léo Jabá... Corinthianos comemoram virada nas redes sociais

    ver detalhes
  • Confira os gols de Mirassol 2x3 Corinthians

    VÍDEO: Confira os gols de Mirassol 2x3 Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes