Presidente elogia postura de Bruno Henrique e avalia passagem de André

Presidente elogia postura de Bruno Henrique e avalia passagem de André

Por Meu Timão

André e Bruno Henrique não devem mais jogar no Corinthians

André e Bruno Henrique não devem mais jogar no Corinthians

Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

Depois de anunciar a saída do trio André, Luciano e Bruno Henrique, o presidente do Corinthians comentou as negociações. Roberto de Andrade elogiou a postura de Bruno Henrique na negociação com o próprio clube e também fez uma análise da passagem de André.

Sobre o volante, o elogio foi em relação a renovação com o Corinthians. O clube já havia procurado Bruno Henrique para renovar o contrato, que era válido apenas até dezembro deste ano. O jogador, que tinha a vontade de jogar na Europa, não assinou o novo vínculo, demonstrando honestidade com o Timão.

"Independente do percentual que você tenha, um contrato tem dois lados: clube e atleta. Para que haja um acordo, os dois têm de querer a mesma coisa. Ele nunca quis a renovação porque sempre foi a ideia dele jogar no futebol europeu. Ele tem familiar que mora na Itália, tem passaporte italiano também, é uma vontade pessoal", explicou Roberto.

"Por isso ele foi honesto com o clube. Poderia ter renovado, recebido luvas, salário muito maior do que tem hoje. E aí em agosto ele poderia ir embora do mesmo jeito. Não temos por praxe travar nenhuma negociação. Acho que por parte dele foi um ato bem honesto conosco", completou.

O Corinthians tem apenas 25% dos direitos de Bruno Henrique, que deve assinar nos próximos dias com o Palermo, da Itália. O volante é um dos principais jogadores do Timão na temporada.

Já sobre André, que está em Portugal para assinar com o Sporting, o presidente disse não considerar uma passagem para se arrepender. O atacante chegou ao Corinthians no início do ano e marcou apenas seis gols desde então.

"Vejo uma passagem normal. Ele não teve aquilo o que todos os torcedores esperavam, mas as vezes que entrou em campo ajudou, dedicou-se, a vida segue, espero que dê certo. Tenho só de agradecer a ele", declarou Roberto, que ainda esclareceu sobre a possibilidade de aproveitar a venda para quitar uma antiga dívida por Elias com o Sporting.

"Estamos negociando a questão das parcelas do Elias, é só fazer um conta de encontro", finalizou.

Veja Mais:

  • Auricchio (à dir.) passou a integrar diretoria da base do Corinthians

    Corinthians nomeia ex-diretor de futebol para cargo na base

    ver detalhes
  • Após 1 a 1 na Arena, Timão volta a campo contra São Paulo na tarde deste domingo

    Rival tropeça, e Corinthians pode diminuir distância para primeira colocação geral

    ver detalhes
  • Carille não confirmou a equipe titular que enfrenta o São Paulo

    Rodriguinho não treina e Balbuena volta: veja provável escalação do Corinthians para o Majestoso

    ver detalhes
  • Em rede social, Kazim responde Gabriel: 'Pra cima dos bambis'

    Em rede social, Kazim provoca São Paulo antes de clássico: 'Pra cima dos bambis'

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes