'Não é o normal', garante Cristóvão após partida lamentável em Campinas

'Não é o normal', garante Cristóvão após partida lamentável em Campinas

Por Meu Timão

Cristóvão Borges lamenta resultado contra a Ponte Preta

Cristóvão Borges lamenta resultado contra a Ponte Preta

Foto: Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians

Com uma partida apática, o Corinthians perdeu para a Ponte Preta neste sábado por 2 a 0. Com isso, o técnico Cristóvão Borges garantiu que a atuação de sua equipe no jogo não classifica a capacidade do time, e afirmou manter a confiança para o decorrer do Campeonato Brasileiro. O duelo foi realizado no estádio Moisés Lucarelli, em Campinas, válido pela rodada 22 da competição nacional.

Em entrevista coletiva, o comandante do time alvinegro não questionou o mau desempenho de sua equipe, mas deixou claro que acredita na capacidade a qual o time pode alcançar. Ressaltando o resultado positivo sobre o Vitória, o treinador garantiu que as qualidades da equipe não serão esquecidas, porém não deixou de lamentar a derrota em um campeonato de pontos corridos.

“O jogo de hoje é muito distante de qualquer coisa. Isso não é o normal e é muito longe de tudo o que a gente apresentou. A gente não vai esquecer o que temos de virtude, de qualidade. É muito ruim, porque o campeonato é de somar pontos. Eu acredito e estou muito confiante. A última partida, em que ganhamos do Vitória, colocamos coisas interessantes”, argumentou Cristóvão Borges.

Quando questionado sobre o placar final no duelo em Campinas, o técnico deixou claro que o Corinthians sofreu principalmente por ter um jogador a menos em campo. O zagueiro Balbuena foi expulso ainda durante o primeiro tempo e desfalcou o time alvinegro.

“Acho que, primeiro, essa coisa de jogar com um jogador a menos, com uma equipe que joga da forma como a Ponte jogou. A gente sentiu bastante, nosso jogo fluiu. Um time da Ponte bem aplicado com um contra-ataque muito forte, nosso time não conseguiu jogar bem”, analisou.

Ainda sobre má atuação, Cristóvão Borges lamentou o rendimento durante os 90 minutos da partida, ressaltando o modo como o adversário decidiu se posicionar, apostando nos erros do Timão. Para o técnico, a baixa em campo resultou em uma facilitação para a Ponte Preta.

“Foi abaixo, não jogamos bem. O fato de ter perdido um jogador muito cedo dificultou bastante, porque sabíamos que a Ponte ia jogar no erro do adversário. Com essa facilitação, e eles terem saído na frente, o jogo ficou muito propício pra eles e venceram o jogo”, declarou o treinador.

O Corinthians volta a jogar fora de casa na próxima quarta, dessa vez contra o Fluminense, pela Copa do Brasil, às 21h45. Pelo Campeonato Brasileiro, o time só volta a campo no dia 8 de setembro, quinta-feira, no confronto contra o Sport.

Veja Mais:

  • Patch de homenagem a Chapecoense na camisa do Corinthians

    Veja imagens da camisa do Corinthians com o patch da homenagem a Chapecoense

    ver detalhes
  • Marinho vem sendo pedido por torcedores do Corinthians para 2017

    Pedido pela torcida do Corinthians, Marinho admite deixar Vitória em 2017

    ver detalhes
  • Simi passou sete anos no Corinthians

    Simi reclama de saída do Corinthians e projeta 'final às avessas' da LNF no Parque São Jorge

    ver detalhes
  • Oswaldo divulgou lista de relacionados do Corinthians

    Com apenas um desfalque, Corinthians divulga lista de relacionados para enfrentar Cruzeiro

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes