Falta polêmica e impedimento: o gol duplamente irregular do Fluminense

Falta polêmica e impedimento: o gol duplamente irregular do Fluminense

Por Meu Timão

O Corinthians perdeu na tarde deste domingo para o Fluminense com um gol no último minuto da partida. O revés aconteceu após uma falta duvidosa marcada a favor do time carioca e um gol claramente impedido.

O lance teve início aos 49 minutos do segundo tempo, já nos acréscimos. A jogada começou após uma falta duvidosa na intermediária de Lucca em cima de Igor Julião. Na cobrança, Gustavo Scarpa levantou a bola na área, Gum desviou e Cícero completou para o fundo do gol.

O fato, porém, é que o zagueiro Gum estava impedido no momento da cobrança de Scarpa. A jogada pode ser vista no tira-teima abaixo da imagem da transmissão da partida. Além de Gum, outros dois jogadores do Fluminense estão adiantados no momento da cobrança.

Lance que mostra gol impedido do Fluminense

Lance que mostra gol impedido do Fluminense

Foto: Reprodução / TV

O técnico do Corinthians, Fábio Carille, comentou rapidamente a questão após o jogo. O treinador garantiu que sabia que teria pressão por conta do último jogo e que trabalhou com o elenco durante a semana.

"Vou evitar falar bastante na questão de arbitragem, depois quero ver melhor esse lance. Tenho quase certeza que o Lucca pega a bola. Em cima desse lance aí, tomamos o gol. Fizeram uma pressão mesmo depois do jogo exagerada, mas desde quinta-feira trabalhei bastante a cabeça dos jogadores pra focar no jogo e não deixar tirar nossa concentração a questão da arbitragem", afirmou o treinador.

O gol irregular acontece apenas três dias após a série de reclamações por parte do Fluminense em relação a arbitragem da partida da Copa do Brasil contra o Corinthians. Na ocasião, três gols foram anulados da equipe carioca por estarem impedidos e de maneira correta. Além disso, os cariocas também reclamaram de um pênalti.

Após a derrota, que causou a eliminação do Fluminense na Copa do Brasil, os jogadores, o treinador Levir Culpi e até o presidente do clube, Peter Siemsen, distribuíram declarações fortes sobre o jogo. O mandatário carioca, inclusive, chegou a afirmar que não é possível vencer o Corinthians dentro da Arena por conta da influência da arbitragem em seus jogos.

Veja Mais:

  • Corinthians volta a jogar nesta segunda pela Liga Nacional

    Corinthians encara 'reforçado' Sorocaba na primeira final da Liga Nacional

    ver detalhes
  • Cerca de 200 integrantes de organizadas foram ao Pacaembu neste domingo

    Ato de organizadas tem gritos de 'Vamo Chape' e pedido por liberdade nos estádios

    ver detalhes
  • Kalil, à direita de Roberto de Andrade, pediu licença de 60 dias

    Vice-presidente solicita licença do cargo e dispara contra diretoria do Corinthians

    ver detalhes
  • Bruno César anotou o segundo gol na vitória por 2 a 0

    Ex-jogador do Corinthians marca golaço de falta e dedica à Chapecoense; veja o vídeo

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes