Corinthians quebra ciclo desde 2008 e não divulga relatório de sustentabilidade

Corinthians quebra ciclo desde 2008 e não divulga relatório de sustentabilidade

7.1 mil visualizações 164 comentários Comunicar erro

Último relatório divulgado ainda não tinha Roberto de Andrade como presidente

Último relatório divulgado ainda não tinha Roberto de Andrade como presidente

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Entre as muitas críticas feitas diariamente a diretoria do Corinthians por parte da Fiel, uma tem chamado a atenção: a ausência do relatório de sustentabilidade de 2015.

O documento vinha sendo divulgado anualmente desde 2008. O último, que consta no site do Corinthians, na parte de Transparência, foi apresentado em 5 de fevereiro de 2015 - o relatório é referente ao ano de 2014. Em todas as temporadas, o documento foi apresentado na primeira metade do ano. Em 2011, o maior atraso antes de 2016, o documento foi divulgado em junho.

Em contato com a reportagem do Meu Timão, o atual diretor financeiro do clube, Emerson Piovesan, afirmou que o Corinthians está trabalhando em uma reformulação no relatório em função dos altos custos envolvidos. Não há uma previsão para a divulgação do documento em relação a 2015 e 2016 já está chegando em sua etapa final.

O relatório de sustentabilidade é composto por diversa informações como a arrecadação com patrocínios, as fontes de receita, os valores de negociação e direitos econômicos dos jogadores do elenco, entre outras coisas. A última edição ainda era assinada pelo ex-presidente Mário Gobbi Filho e pelo ex-diretor financeiro Raul Corrêa da Silva.

Para especialistas financeiros, como Cesar Farietti, autor do estudo "Análise Econômico-Financeira dos Clubes de Futebol Brasileiros", realizado pelo Itaú BBA, a ausência do documento diminui o processo de transparência implementado pelo clube.

"Diminui. No fundo, o clube não é obrigado a fazer isso. Mas, é bom que faça justamente para a gente poder acompanhar o que está acontecendo. Em geral, os clubes acabam sendo muito lenientes nesse sentido justamente porque eles não querem divulgar problemas. Tradicionalmente, já é um número grande de serviços de terceiros", explicou o superintendente de crédito do Itaú BBA em entrevista ao Meu Timão.

Trimestral da Arena Corinthians - Não é apenas o relatório de sustentabilidade que está atraso. O balanço trimestral da Arena dos meses de abril, maio e junho também não foi divulgado. Setembro está chegando ao fim, o que completaria mais um trimestre e um novo balanço. No site do estádio alvinegro, é possível encontrar na parte de Transparência apenas o balanço dos meses de janeiro, fevereiro e março de 2016.

Veja Mais:

  • Torcedor apaixonado pelo Corinthians, Senna é inspiração de novo uniforme

    Nova terceira camisa do Corinthians ganha data de lançamento

    ver detalhes
  • Prejudicado pela arbitragem, Timão empatou com Internacional na Arena Corinthians

    Confira a posição do Corinthians ao fim da 26ª rodada do Brasileirão-18

    ver detalhes
  • Jogadores ficarão concentrados no CT por dois dias

    Corinthians antecipa concentração no CT antes de semifinal contra o Flamengo

    ver detalhes
  • Desfalques por suspensão contra Internacional, Ralf treinou no CT do Corinthians

    Com reservas em ação, Corinthians dá início a preparação para decisão na Copa do Brasil

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes