Rodriguinho abre o jogo, reitera compromisso por Libertadores e pede 'encaixe'

1.3 mil visualizações 38 comentários

Rodriguinho conversou com os jornalistas nesta quinta-feira

Rodriguinho conversou com os jornalistas nesta quinta-feira

Rodrigo Gazzanel/Ag. Corinthians

Titular no empate por 0 a 0 com o Atlético-MG, o meia Rodriguinho foi escolhido para explicar a queda significativa do Corinthians no Campeonato Brasileiro: de terceiro colocado do primeiro turno à oitava posição no segundo. Em entrevista coletiva, o camisa 26 voltou a falar em “obrigação” da equipe estar na Libertadores da América em 2017, seja G6 ou G4.

“A responsabilidade de brigar pela Libertadores sempre foi a mesma, independentemente de ser G6 ou G4. Isso é importante para o planejamento do próximo ano, para diretoria, jogadores... Temos sempre a obrigação de estar em cima e brigar pelos primeiros lugares”, afirmou Rodriguinho.

No entanto, para garantir o avanço à próxima edição do torneio sul-americano, o Corinthians terá de adotar nova postura. Sob o comando do técnico Fábio Carille, o time do Parque São Jorge não vence há seis jogos na Série A, sendo quatro derrotas e dois empates. Acima disso, a alta cúpula alvinegra entende que o elenco precisa conquistar 59 pontos (ou seja, mais 17) se quiser terminar o Brasileiro no G6. Um desafio e tanto para quem tem apenas 48,3% de aproveitamento e está na vice-lanterna do returno.

“Temos dois objetivos bem definidos: o primeiro é a classificação para a Libertadores pelo Campeonato Brasileiro, é possível, até pela evolução do time nos últimos jogos. Temos uma sequência interessante para somar pontos e voltar para essa briga”, pregou o camisa 26.

“E o segundo é a Copa do Brasil, que está se tornando muito importante e temos chances de chegar. Esperamos encaixar não só o meio de campo, mas a parte defensiva, o ataque, fazer a bola entrar... Assim alcançaremos esses dois objetivos”, projetou.

Com o empate sem gols com o Atlético-MG, o Timão volta a ter uma semana livre no calendário. Carille e sua comissão terão alguns dias de preparação antes do confronto com o Santa Cruz, na próxima quarta-feira (12), na Arena Pantanal, em Cuiabá-MT. A bola rola às 21h45 (de Brasília).

Veja Mais:

  • Duelo teve muita luta e poucas chances de gol

    Corinthians cria pouco e fica no empate sem gols na primeira final do Campeonato Paulista

    ver detalhes
  • Cássio recebe a maior nota dos leitores do Meu Timão após Dérbi sem gols

    Cássio 'se salva' e é o melhor do Corinthians em noite de avaliações ruins; meia é o pior

    ver detalhes
  • VÍDEO: Corinthians x Palmeiras | Ao vivo | Final do Campeonato Paulista 2020

    ver detalhes
  • Tiago Nunes analisou o Dérbi desta quarta-feira

    Tiago Nunes aponta equilíbrio em primeira final e projeta jogo de volta: 'Decidida no detalhe'

    ver detalhes
  • Luan foi o jogador mais criticado pela torcida nas redes sociais

    Torcida do Corinthians critica Tiago Nunes, questiona Luan e pede mudança para segunda final

    ver detalhes
  • Atacante Jô durante jogo contra o Palmeiras, pela final do Paulistão 2020

    Final entre Corinthians e Palmeiras bate recorde de audiência após paralisação

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: