Oswaldo justifica escolha por Willians e entrada de Lucca após expulsão

Oswaldo justifica escolha por Willians e entrada de Lucca após expulsão

Por Meu Timão

4.8 mil visualizações 82 comentários Comunicar erro

Oswaldo justifica entrada de Williams na equipe titular

Oswaldo justifica entrada de Williams na equipe titular

Foto: Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians

O técnico Oswaldo de Oliveira gostou da atuação dos seus comandados depois da partida terminar empatada em 2 a 2 com o Flamengo. O comandante aprovou a intensidade que a equipe teve durante o jogo. Questionado pela entrada de Willians na equipe titular no lugar de Camacho, Oswaldo justificou a sequência de jogos na temporada.

"Alguns jogadores do Corinthians vêm numa sequência de jogos muito intensa e com desgastes. O Camacho já não jogou contra o América porque acusou uma contratura e era muito arriscado ele jogar", afirmou.

Oswaldo reiterou também que a lesão de Camacho poderia se agravar ainda mais e optou sacar o jogador. O camisa 5 correspondeu à expectativa do técnico e enalteceu a forte marcação do volante em cima do armador Diego.

"Ele jogou a Copa do Brasil e, independe disso, nós precisaríamos de mais agressividade na marcação no meio de campo, pela presença do Diego e Arão no meio de campo do Flamengo. E, hoje, claro, com mérito de toda a equipe, do Rodriguinho, do Giovanni, do Marquinhos e do Guilherme, conseguimos ir bem. Mas muito disso, com a colaboração do Willians, já que conseguimos encarar o Flamengo muito melhores do que as outras equipes. Nossa marcação foi de extrema importância hoje", declarou o técnico.

O treinador lamentou a expulsão do meia-atacante Guilherme e disse que a equipe poderia ter matado o jogo no contra-ataque, mesmo com um jogador a menos na partida.

"O Flamengo chegou duas vezes com perigo depois desse momento. Nossas duas arrancadas em contra-ataque nesse período, também foram importante, com Marlone e Willians, poderíamos ter feito gols, inclusive. Quando uma equipe fica em vantagem, assim como ficou o Flamengo, tem que fazer valer isso", completou.

O técnico alvinegro ainda explicou a entrada do atacante Lucca no duelo, quando a equipe soube aguentar a pressão e anular as jogadas ofensivas da equipe carioca.

"Com a entrada do Lucca, nossa equipe conseguiu suportar bem a pressão e neutralizar as jogadas, apesar da desvantagem numérica em campo", encerrou.

Veja Mais:

  • Sub-20 faz clássico contra o São Paulo em final da Copa do Brasil

    Libertadores, Brasileirão e decisão no Sub-20: a agenda do Corinthians na semana

    ver detalhes
  • Roger fez seu primeiro gol pelo Corinthians

    Corinthians cede empate ao Sport e perde chance de reassumir liderança do Brasileirão

    ver detalhes
  • Juninho Capixaba não agradou a Fiel em Recife

    Carille analisa atuação e projeta melhora defensiva de Capixaba; torcida critica lateral

    ver detalhes
  • Corinthiano Mantuan durante jogo contra o Sport, pelo Campeonato Brasileiro

    Fiel 'esquece' Roger e elege dois defensores como craques do Corinthians no empate contra Sport

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes