Goleiro do Botafogo relembra passagem pelo Corinthians e explica fracasso

Goleiro do Botafogo relembra passagem pelo Corinthians e explica fracasso

Por Meu Timão

60 mil visualizações 61 comentários Comunicar erro

Sidão passou pelo Corinthians na temporada de 2000

Sidão passou pelo Corinthians na temporada de 2000

Foto: Divulgação/Botafogo

Vice-campeão Paulista pelo Osasco Audax neste ano e destaque do Botafogo ao longo do Campeonato Brasileiro, o experiente goleiro Sidão, de 33 anos, já defendeu o Corinthians em sua carreira. Porém, a passagem pelo Timão não ocorreu conforme planejado pelo atleta, devido ao vício em bebidas alcoólicas que o afetou muito cedo.

“Eu tinha 18 anos quando fui para o Corinthians. Eu jogava no Nacional, o CT é em frente ao CT do São Paulo e do Palmeiras, e lá eu pegava R$ 5 por dia para pagar a condução do ônibus e ali eu passava por debaixo da catraca. Com esse dinheiro eu ia pra escola para beber", relembrou o arqueiro, durante sua participação no programa Resenha ESPN, neste domingo.

Contratado pelo Corinthians em 2000, ainda nas categorias de base do clube, Sidão se deixou levar pelo vício, fato que não permitiu sua evolução no clube. Arrependido com suas atitudes, o arqueiro recordou a mudança repentina em sua carreira e lamentou não ter aproveitado a chance em um clube como o Corinthians.

"Aí quando eu passei no teste do Corinthians comecei a ganhar R$ 800, na época era muito dinheiro, em 2000, 2001… O que eu fazia com R$ 5 passei a fazer com R$ 800, fui desandando ladeira abaixo, desperdicei a oportunidade de estar em um grande clube com estrutura e não valorizei essa oportunidade”, acrescentou.

Com desempenho mediano no Timão, o goleiro foi integrado à equipe B do clube, até ser negociado. A partir de então, defendeu equipes de menor expressão do estado de São Paulo, como Juventus, Taboão da Serra, Rio Claro e Grêmio Prudente. Em 2013, chegou ao Osasco Audax, onde veio a se destacar somente na atual temporada.

Agora no Botafogo, Sidão vem ajudando o clube carioca no planejamento por uma classificação à Libertadores, justamente também a meta corinthiana no Campeonato Brasileiro. Somando 50 pontos, o Timão faz a sétima melhor campanha e volta a campo somente no dia 16, para enfrentar o Figueirense, fora de casa.

Veja Mais:

  • Fábio Carille exibe a taça de heptacampeão brasileiro; treinador seguirá carreira na Ásia

    Fábio Carille deixa Corinthians e acerta com Al-Wehda, da Arábia Saudita

    ver detalhes
  • Osmar Loss (à esq.) sucede Carille no comando técnico do Corinthians

    Osmar Loss assume Corinthians após saída de Carille; estreia acontece nesta quinta

    ver detalhes
  • Carille, agora ex-Corinthians, acertou com Al-Wehda, do mundo árabe

    Corinthians divulga vídeo de agradecimento a Carille

    ver detalhes
  • Titulares do Corinthians foram a campo nesta terça-feira

    Titulares vão a campo, mas Carille não esboça time; jovem ganha atenção especial no fim do treino

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes