30 dias dos 30 presos: Fiel faz protesto lembrando abusos da PM no Rio

30 dias dos 30 presos: Fiel faz protesto lembrando abusos da PM no Rio

Por Meu Timão

1.0 mil visualizações 35 comentários Comunicar erro

Fiel fez protesto na Arena

Fiel fez protesto na Arena

Foto: Vinícius Souza/Meu Timão

A torcida do Corinthians realizou um protesto simbólico durante a partida do clube contra o Internacional, na noite desta segunda-feira, na Arena. Parte da Fiel presente no setor Leste Inferior do estádio assistiu ao jogo sentada e sem camisa, em alusão aos abusos da Polícia Militar do Rio de Janeiro no conflito com corinthianos no Maracanã, há quase um mês.

O grupo, que não deixou de apoiar o time em campo, permaneceu sem camisa ao longo do primeiro tempo. O ato relembrou a ação violenta da PM após o duelo entre Corinthians e Flamengo, quando torcedores foram obrigados a tirar a camisa a aguardar por horas a liberação do estádio.

Como o Meu Timão informou, além disso, 31 corinthianos foram detidos por suposto envolvimento na briga com agentes de segurança antes do apito inicial. Apenas um deles, menor de idade, foi liberado.

Torcedores ficaram sem camisa no setor Leste Inferior

Torcedores ficaram sem camisa no setor Leste Inferior

Foto: Vinícius Souza/Meu Timão

Relembre o caso

Minutos antes de a bola rolar para o jogo entre Corinthians e Flamengo, no Maracanã, pelo Campeonato Brasileiro, parte da torcida do Timão presente nas arquibancadas entrou em confronto com policiais militares.

A confusão começou quando torcedores do Flamengo arremessaram copos e demais objetos em direção ao setor onde fica a torcida corinthiana. Em reação à agressão, os alvinegros tentaram invadir o espaço destinado aos flamenguistas. Uma grade chegou a ser quebrada.

A polícia militar, então, interviu. Os policiais usaram cassetetes e spray de pimenta para afastar a torcida do Corinthians da grade que separa os setores do Maracanã. Alguns torcedores revidaram e também agrediram policiais.

Vale destacar que a partida entre Corinthians e Flamengo marca a reabertura do Maracanã. O estádio havia sido fechado para partidas de futebol por conta dos Jogos Rio-2016.

Veja mais em: Corinthianos presos no Rio e Arena Corinthians.

Veja Mais:

  • Carille é desejado por times árabes e pode não permanecer no Corinthians

    Presidente de outro clube árabe fala em contratar Carille, do Corinthians

    ver detalhes
  • Corinthians de Ángel Romero entra em campo nesta quinta pela Libertadores

    O que está em jogo para o Corinthians na última rodada da fase de grupos da Libertadores

    ver detalhes
  • Lucca está liberado para atuar contra o Corinthians no domingo

    Sem cláusula impeditiva, Lucca está liberado para enfrentar o Corinthians no Beira-Rio

    ver detalhes
  • Assessoria do treinador divulgou nota oficial na manhã desta terça-feira

    Em nota oficial, Carille admite generalização e se desculpa com imprensa por desabafo em coletiva

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes