Novos 'sósias' do Corinthians veem lado bom de confusão no Dérbi

3.7 mil visualizações 35 comentários

Por Meu Timão

Jogadores foram de máscaras à sala de imprensa do CT nesta quinta

Jogadores foram de máscaras à sala de imprensa do CT nesta quinta

Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians

O Corinthians, definitivamente, saiu fortalecido do clássico da última quarta-feira, contra o Palmeiras. Não bastassem os três pontos, a vitória ganhou ares de superação alvinegra diante da arbitragem desastrosa de Thiago Duarte Peixoto.

Para Gabriel e Maycon, protagonistas do jogo e novos "sósias" do Timão, a noite ficará marcada na história centenária do Dérbi. Eles foram confundidos pelo árbitro Peixoto, que expulsou o camisa 5 erroneamente.

"Arrepiou, para mim vai ficar marcado. Foi uma noite que aconteceu de tudo, que vai ficar marcada para a história. Vi do vestiário, eu não podia subir para o camarote por causa do sorteio do doping. Fiquei no vestiário com imagem atrasada, a gente ouvia a reação do torcedor. Vi o que os roupeiros sentem na pele", declarou Gabriel, em entrevista concedida nesta quinta, no CT Joaquim Grava.

Maycon, que seguiu em campo para a disputa do segundo tempo, contou que os jogadores voltaram do intervalo motivados por duas vertentes: Gabriel, que havia sido expulso injustamente, e Camacho, que perdeu o pai num acidente fatal no início da semana.

"Jogamos pelo Gabriel e pelo Camacho, a gente falou que ia jogar por ele. Todos correram por todos. Quando um errava, o outro corrigia. Um deu força para o outro, isso que aconteceu, conseguimos o resultado na superação e raça", disse Maycon.

"Deu orgulho, supriram um a menos. O canto da torcida foi fundamental", completou Gabriel.

A vitória épica do Corinthians sobre o Palmeiras rendeu muita empolgação por parte da torcida alvinegra. Ao ser questionado se já se imagina se tornando ídolo do Timão, o ex-palmeirense Gabriel projetou mais trabalho e, aí sim, resultados.

"Isso vem com trabalho, com resultado, títulos. O primeiro momento que vesti a camisa do Corinthians, falei vou treinar, jogar e me dedicar para corresponder à oportunidade. Questão de ser ídolo, temos que deixar por parte do torcedor. A gente só se torna ídolo ganhando títulos importantes. Está sendo um início maravilhoso, tenho boas atuações. Vou tentar melhorar para entrar na história", discorreu.

Veja mais em: Maycon e Gabriel.

Veja Mais:

  • Yuri Alberto marcou três gols contra o Atlético-GO e ajudou a garantir a classificação do Corinthians à semifinal da Copa do Brasil

    Corinthians tem noite inspirada de Yuri Alberto, goleia o Atlético-GO e vai à semi da Copa do Brasil

    ver detalhes
  • Vítor Pereira confirmou que Duilio falou sobre renovação de contrato com o treinador; técnico tem vínculo com o clube até o final de 2022

    Vítor Pereira confirma oferta do Corinthians por renovação e diz que tomará decisão no final do ano

    ver detalhes
  • Yuri Alberto marcou três gols na classificação do Corinthians na Copa do Brasil e foi eleito o melhor da noite do Timão

    Artilheiro da noite beira o dez e é o melhor em classificação do Corinthians; reserva é o pior

    ver detalhes
  • Titular do Corinthians contra o Atlético-GO, Fagner desmentiu rumores de má relação com Vítor Pereira após a partida

    Fagner afasta rumores sobre relação com Vítor Pereira e nega problema com o treinador do Corinthians

    ver detalhes
  • Vítor Pereira garantiu que o elenco corinthiano está unido

    Vítor Pereira nega problemas com elenco do Corinthians e valoriza união após classificação

    ver detalhes
  • Yuri Alberto foi um dos jogadores mais elogiados pela Fiel

    Trio se destaca e recebe elogios em goleada do Corinthians na Copa do Brasil; veja tuítes

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia:

x