Caixa diminui valor e Corinthians estuda nova proposta de patrocínio

Caixa diminui valor e Corinthians estuda nova proposta de patrocínio

Por Meu Timão

Nova proposta da Caixa é de R$ 12 milhões inferior à última

Nova proposta da Caixa é de R$ 12 milhões inferior à última

Foto: Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians

Patrocinadora master do Corinthians desde 2012, a Caixa Econômica Federal adotou uma estratégia diferente na atual temporada. Em meio ao crescimento no número de clubes patrocinados, o banco estatal optou por reduzir o valor de acordos com outros. Desta forma, o Corinthians surge como um dos prejudicados pela diminuição na quantia negociada, segundo apurado pela Época.

Levando em conta o último acordo junto ao Timão, a parceria com a Caixa apresenta uma significativa queda de R$ 12 milhões. Ou seja, o patrocínio de maio de 2016 até abril deste ano gerou R$ 30 milhões aos cofres alvinegros, enquanto o novo acordo oferecido para renovação é de R$ 18 milhões.

Com a proposta sob análise por parte dos diretores corinthianos, a oferta da Caixa prevê um patrocínio de oito meses, de maio até dezembro deste ano - a fim de padronizar o acordo com todas as equipes até o fim da temporada. Além disso, em caso de títulos do Corinthians no Campeonato Brasileiro e Copa do Brasil, o clube seria premiado com mais R$ 1,5 milhão.

Expandindo o mercado, a Caixa Econômica Federal atualmente conta com 23 clubes parceiros. Considerando os R$ 144 milhões investidos pelo banco estatal na temporada anterior, o valor destinado a patrocínios neste ano é de R$ 169 milhões - o que evidencia a maior proporção nos negócios.

Veja mais em: Patrocinador do Corinthians e Diretoria do Corinthians.

Veja Mais:

  • Emerson Sheik é esperado no CT do Corinthians na parte da tarde

    Zagueiro vai ao CT do Corinthians; Sheik e Matheus Vital são esperados no período da tarde

    ver detalhes
  • Na noite desta terça-feira, só a vitória importa ao Sub-20 do Timãozinho

    Tudo ou nada! Invicto, Corinthians mede força com Avaí pelas oitavas de final da Copinha

    ver detalhes
  • Henrique Dourado ainda pode reforçar Corinthians em 2018

    'Caso Gilberto' e atrito político: por que Corinthians ainda pode contratar Henrique Dourado

    ver detalhes
  • Antonio Roque Citadini não poderá concorrer na eleição de fevereiro

    Citadini tem candidatura à presidência do Corinthians impugnada

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes