Lamentando desfalques, Cássio analisa Camacho entre os titulares do Corinthians

Lamentando desfalques, Cássio analisa Camacho entre os titulares do Corinthians

3.5 mil visualizações 37 comentários Comunicar erro

Cássio analisou a opção de Carille ao colocar Camacho no lugar de Rodriguinho

Cássio analisou a opção de Carille ao colocar Camacho no lugar de Rodriguinho

Foto: Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians

Prestes a encarar a final do Campeonato Paulista neste domingo, contra a Ponte Preta, com dois desfalques confirmados e um pendente na equipe titular, o Corinthians do técnico Fábio Carille aposta na força do grupo. Foi o que apontou o goleiro Cássio ao ser questionado sobre a opção do treinador ao escalar o meia Camacho no lugar de Rodriguinho, que está suspenso da decisão, entre os titulares no treinamento desta quarta-feira, no CT Joaquim Grava.

Autor de dois gols na vitória de 3 a 0 do Corinthians sobre a Ponte Preta, na partida de ida da decisão, Rodriguinho recebeu o seu terceiro cartão amarelo e ficou fora da disputa do jogo de volta – assim como o volante Gabriel, que também foi suspenso do confronto deste final de semana. Com isso, a possibilidade de Camacho ocupar a vaga do meia já havia sido antecipada pela comissão técnica do Timão, que entende que não será necessário expor o time com a entrada de um jogador com velocidade.

O fato foi reafirmado por Cássio, que exaltou a movimentação de Camacho em campo, ainda que a qualidade de Rodriguinho possa fazer falta no ataque alvinegro. "O Rodriguinho chega mais na área, mas o Camacho tem a qualidade de trabalhar muito a bola, rodar, fazer o jogo andar. São características diferentes. Infelizmente não podemos contar com Rodriguinho e Gabriel, mas o grupo tem força", afirmou o goleiro em entrevista coletiva concedida, nesta quarta-feira.

Além das duas baixas no meio-de-campo, o Corinthians pode contar com outro desfalque na final deste domingo. O lateral-direito Fagner pegou um jogo de suspensão em julgamento do Tribunal de Justiça Desportiva de São Paulo, por uma troca de agressões com o meia Cueva, do São Paulo, durante as semifinais do Paulistão.

O Timão recorreu a um efeito suspensivo sobre a decisão e requisitou o mesmo tratamento do jogador corinthiano ao atacante da Ponte Preta, William Pottker. Porém, a chance de êxito no pedido de julgamento do atacante adversário é pequena. Caso Fagner será confirmado como baixa, Léo Príncipe deve ser o escolhido pelo técnico Fábio Carille para a vaga entre os titulares.

O Corinthians segue na preparação para finalíssima deste domingo, que acontece a partir das 16h (de Brasília), na Arena em Itaquera. A equipe alvinegra entra em campo com a vantagem de três gols sobre a Ponte Preta, conquistado pelo placar no confronto de ida, e pode perder por até dois gols para garantir a taça. Caso o adversário de Campinas devolva o resultado do primeiro duelo, a decisão seguirá para os pênaltis.

Veja mais em: Cássio, Rodriguinho, Gabriel, Fagner e Campeonato Paulista.

Veja Mais:

  • Corinthians jogou bem, mas não conseguiu sair vitorioso neste domingo

    Corinthians sofre gol impedido, reage no segundo tempo e fica no empate com o Internacional

    ver detalhes
  • Corinthians de Jair Ventura está em oitavo lugar no Brasileirão

    Corinthians 'volta uma casa' na classificação do Brasileirão, mas diminui distância para o G6

    ver detalhes
  • Danilo Avelar foi eleito o pior corinthiano em campo pela Fiel

    Novidade de Jair Ventura é enaltecida pela Fiel; lateral rouba cena e é eleito pior em campo

    ver detalhes
  • Mateus Vital fez bom jogo diante do Internacional neste domingo

    Análise: Corinthians reage após gol impedido e consegue empate contra o Internacional

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes