Matheus Vidotto relembra título de 2015 no Corinthians: 'Minha maior alegria'

1.9 mil visualizações 17 comentários

Por Meu Timão

Formado na base, Matheus Vidotto tem mais de dez anos de Corinthians

Formado na base, Matheus Vidotto tem mais de dez anos de Corinthians

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Formado nas categorias de base do Corinthians, Matheus Vidotto é uma das apostas do clube para defender a meta alvinegra no futuro. Integrando o time profissional desde 2012, o jovem goleiro fez parte de grupos vencedores no Timão. Para ele, uma temporada tem sabor especial na sua carreira.

"A minha maior alegria foi o Brasileirão de 2015. Foi o título que eu acompanhei mais de perto, fui para praticamente todos os jogos. Passamos por algumas dificuldades no início do ano e fomos eliminados em alguns campeonatos em sequência, então chegar ao final do ano e ser campeão do jeito que foi, com a superioridade que o time demonstrou, para mim foi o mais legal", afirmou Matheus, em entrevista a Corinthians TV.

Apesar do título brasileiro em 2015, Matheus só estreou como profissional no ano seguinte, em fevereiro de 2016. Na oportunidade, o Timão empatou com o São Bento em 1 a 1, em partida válida pelo Campeonato Paulista daquela temporada.

Com mais de dez anos de clube, Matheus valoriza sua caminhada no Corinthians e se inspira em grandes nomes da história alvinegra, além, é claro, dos dois goleiros do atual plantel corinthiano, Cássio e Walter.

"Eu fui criado aqui, cheguei com 11 anos. Posso dizer que tanto a minha formação pessoal quanto profissional foi aqui no Corinthians e representa praticamente tudo para mim", disse.

"Me espelhei em vários goleiros durante os anos. Dida, Ronaldo, recentemente o Cássio e o Walter. Eu procuro absorver um pouco de cada um e no final das contas usar isso para o meu melhor. Aprendi muitas coisas com eles [Cássio e Walter]. Posso dizer que do dia que eu entrei até hoje eu melhorei muito e muito disso tem a ver com a convivência com eles dois", concluiu o arqueiro.

Além de Matheus, o Corinthians ainda conta com Caique, outro goleiro formado nas categorias de base do clube, entre os profissionais. Foi para ele, inclusive, que Vidotto perdeu espaço no início deste ano, quando passou tempo afastado por lesão.

Veja mais em: Matheus Vidotto.

Veja Mais:

  • Paulo Roberto atuou em 27 jogos pelo Corinthians, marcou um gol e ganhou dois títulos (Paulista e Brasileiro 2017)

    Paulo Roberto entra na Justiça contra o Corinthians e pede R$ 1,2 milhão

    ver detalhes
  • Mateus Vital, Janderson e Davó são três dos quatro atacantes de lado de campo; trio de jovens se junta a Everaldo na opção de velocidade pela beirada

    Corinthians terá cinco opções de lado de campo com saída de dupla; quatro têm menos de 23 anos

    ver detalhes
  • Corinthians enfrenta Palmeiras na próxima quarta-feira, às 21h30

    Duelo entre Corinthians e Palmeiras pelo Paulistão tem horário definido; veja detalhes

    ver detalhes
  • Yony González deixou o Corinthians com apenas quatro jogos; colombiano é o 22º contratado do clube na década que não atingiu as dez partidas

    Yony González é o 12º contratado do Corinthians a não fazer nem cinco jogos na década; veja lista

    ver detalhes
  • Em meio ao caos, um acerto da diretoria do Corinthians

    [Giovana Duarte] Em meio ao caos, um acerto da diretoria do Corinthians

    ver detalhes
  • Invadimos a Arena Corinthians de carro e tomamos blitz do Marcelinho Carioca

    VÍDEO: Invadimos a Arena Corinthians de carro e tomamos blitz do Marcelinho Carioca

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: