Polícia credita confusão à torcida do Corinthians: 'Estavam mal intencionados'

Polícia credita confusão à torcida do Corinthians: 'Estavam mal intencionados'

Por Meu Timão

Autoridades esclareceram confusão nos arredores do Couto Pereira

Autoridades esclareceram confusão nos arredores do Couto Pereira

Foto: Reprodução/Twitter

O empate por 0 a 0 entre Corinthians e Coritiba foi cercado de tensão pelo que aconteceu antes da bola rolar. A manhã do domingo foi marcada por confrontos entre as torcidas dos dois times nos arredores do Couto Pereira. Apesar de prender um torcedor do clube paranaense, a Polícia local acredita que tudo começou por conta dos corinthianos.

'Eles estavam mal intencionados. Fizemos contato com torcidas organizadas do Corinthians antes da partida, como é praxe. Porém, esse grupo se reuniu e veio mais cedo, justamente com esse intuito (de brigar). Eles queriam o enfrentamento com os torcedores adversários', afirmou em entrevista coletiva o tenente-coronel Wagner Lucio dos Santos, responsável pela operação que já identificou outros três agressores.

Leia também:
Após ser agredido, torcedor do Corinthians reaparece com sorriso no rosto
Corinthians e Coritiba emitem notas oficiais e criticam violência antes do jogo no Couto Pereira

O tumulto aconteceu quando três ônibus com torcedores do Corinthians se aproximaram da sede de uma organizada do Coritiba, a Império Alviverde - o agressor preso, identificado como João Carlos de Paulo, é membro da torcida. Os veículos, no entanto, não deveriam estar naquela região, assim como os outros 45 carros com corinthianos, que foram escoltados até o estádio. A informação é do Globoesporte.com.

'Afirmo: os três ônibus que não estavam cadastrados e pararam perto da sede da Império foram lá para brigar', garantiu Clóvis Galvão, delegado responsável pelas investigações da Polícia Civil.

Vale lembrar que as autoridades locais já se pronunciaram oficialmente explicando todo o ocorrido. No meio da confusão, um corinthiano foi gravemente ferido e chegou a ter sua morte divulgada, mas já recebeu alta e viaja de volta para São Paulo.

Veja mais em: Violência no futebol.

Veja Mais:

  • Dupla Jô-Rodriguinho já não se mostra mais tão efetiva quanto em outros tempos

    Corinthians leva dois gols de bola área, perde do Botafogo e fica pressionado no Brasileirão

    ver detalhes
  • Clayson falou com a imprensa brevemente: 'Não foi nada demais'

    Atacante do Corinthians é conduzido por policiais a prestar esclarecimentos no Rio

    ver detalhes
  • Corinthians de Carille perdeu do Botafogo na noite dessa quarta-feira

    Torcida 'perdoa' cinco jogadores e dá pior nota a Carille após derrota do Corinthians no Rio

    ver detalhes
  • Acorda, presidente!

    [Walter Falceta] Acorda, presidente!

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes