Balbuena volta a falar em 'cabeça no Corinthians', mas mantém discurso sobre possível ida à Europa

Balbuena volta a falar em 'cabeça no Corinthians', mas mantém discurso sobre possível ida à Europa

Balbuena comemora gol contra o Bahia com sua tradicional continência

Balbuena comemora gol contra o Bahia com sua tradicional continência

Foto: Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians

Vem dia, vai dia... e a situação de Fabián Balbuena segue a mesma. O zagueiro tem contrato até o fim do próximo ano, mas seu empresário segue revirando o mercado europeu em busca de ofertas oficiais. A primeira, do Genoa (ITA), foi rechaçada pela diretoria do Corinthians, que não gostou do valor oferecido (cerca de R$ 11 milhões). Após a vitória sobre o Bahia, o defensor voltou a falar sobre a possibilidade de deixar o Parque São Jorge nos próximos dias.

O discurso de foco no Campeonato Brasileiro e na Copa Sul-Americana permanece, assim como a chance de uma transferência para o Velho Continente.

"Isso (ficar no Corinthians) não depende de mim. Falar de futuro é incerto, não sabemos o que pode acontecer amanhã. Hoje minha cabeça está aqui, para tentar ajudar o time dentro de campo e seguir essa linha de trabalho", avisou o paraguaio.

Balbuena marcou o segundo gol do Timão na goleada sobre o Bahia, nesta quinta-feira, na Arena Corinthians. Na comemoração, fez o sinal de continência com o qual a torcida corinthiana já começa a ficar habituada.

"A continência é um sinal de respeito. Quando fiz o meu primeiro gol, saiu como um cumprimento para a torcida. Depois disso, me senti identificado. O pessoal falava sobre isso nas ruas, no shopping. Ficou. Mas o mais importante é o rendimento do time, manter os pés no chão", explicou.

O camisa 4 do Corinthians, por fim, elogiou a intensidade de todos seus companheiros.

"Quando você não tem posse, todo mundo tem de se comprometer. Sem a bola, todo mundo marca, com a bola, todo mundo joga. Isso é mérito de todo o time. Quem entra está sempre ligado. Hoje, conseguimos uma vitória importante para continuar em frente", finalizou.

Veja mais em: Balbuena e Mercado da bola.

Veja Mais:

  • Zé Rafael, de 24 anos, tem contrato com o Bahia até 2020

    Corinthians reforça interesse em Zé Rafael, mas tem de esperar até 9 de dezembro; entenda

    ver detalhes
  • Carille quer contar com seu reserva imediato em 2018

    Permanência de Walter é desejo de Carille, mas técnico já tem plano B em caso de saída

    ver detalhes
  • Na Série B do Brasileirão pelo Internacional, Leandro Damião entrou na mira do Timão

    Corinthians inicia sondagem sobre centroavante do Internacional

    ver detalhes
  • Timão monitorava situação de Roger, em fim de contrato no Botafogo

    Alvo do Corinthians, centroavante Roger fecha com clube gaúcho

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes