Carille, após vitória do Corinthians: 'Não tem time invencível. Tem time que trabalha muito sério'

Carille, após vitória do Corinthians: 'Não tem time invencível. Tem time que trabalha muito sério'

Por Meu Timão

52 mil visualizações 102 comentários Comunicar erro

Corinthians de Carille venceu Fluminense de Abel Braga

Corinthians de Carille venceu Fluminense de Abel Braga

Foto: Rodrigo Gazzanel /Agência Corinthians

O Corinthians triunfou por 1 a 0 sobre o Fluminense, manteve a liderança invicta do Campeonato Brasileiro e chegou à marca de 30 jogos sem perder na temporada. Ainda assim, a entrevista coletiva do técnico Fábio Carille, concedida ainda no Maracanã, após o jogo, no início de noite deste domingo, foi marcada pela seriedade que já se tornou marca do trabalho do treinador alvinegro.

Questionado se o Corinthians seria um caso raro de "time invencível", Carille não titubeou: preferiu valorizar a seriedade de seu trabalho e da capacidade de organização e obediência tática de seus jogadores.

"Não tem isso, time invencível. Agora que é uma das equipes mais organizadas, com certeza. Os jogadores fazem muito bem o que tem que fazer, uma linha de quatro quase que perfeita, já que não existe perfeição. Em questão de cobertura, de leitura. Muda-se peças e continua com a mesma organização, mesma concentração. Mas não tem. Tem equipes que trabalham muito sério, e a gente é uma delas", declarou.

De tal forma, não é de se estranhar que o treinador tenha evitado projetar mais números e até mesmo o título do Brasileirão - com 16 rodadas disputadas, o Timão lidera com folga, abrindo no momento nove pontos para o vice-líder Grêmio.

"Bem longe, não dá pra pensar nisso. Mais que a invencibilidade, uma coisa que me traz muita satisfação são 26 jogos sem tomar gol. Isso me dá satisfação demais, muito mais do que a invencibilidade. É claro que a gente sente orgulho com isso, mas em nenhuma das minhas reuniões com os atletas eu trago essa responsabilidade a mais. A gente já tem a responsabilidade de fazer bem o próximo jogo. Pode perguntar para qualquer jogador, eu não faço isso. Acho desnecessário", pronunciou.

Especificamente sobre o jogo contra o Fluminense, Carille enalteceu o equilíbrio do Corinthians, que soube alternar momentos ofensivos e momentos defensivos ao longo dos 90 minutos.

"O que uma comissão técnica busca num time é o equilíbrio, e hoje nós fomos equilibrados. Sabendo jogar com bola, sem bola, triangulação. Se tivéssemos acertado o último passe teríamos feito até mais gols. Saio muito feliz com o rendimento", comentou.

Por fim, ainda vale destacar a declaração de Carille sobre o fim da "série de tropeços do Corinthians". O Timão, afinal de contas, vinha de empates consecutivos contra Atlético-PR e Avaí.

"Sobre o empate, vem mais de fora do que por nós mesmos. O que me preocupa é quando a gente não rendeu, e a gente jogou contra o Atlético e Avaí para ganhar. Não fico pensando na questão da invencibilidade. Saio daqui hoje muito feliz e satisfeito com o jogo", disse.

Veja mais em: Campeonato Brasileiro e Fábio Carille.

Veja Mais:

  • Ralf pode retomar titularidade para decisão contra os cariocas

    De provável retorno a possíveis novidades: o panorama do Corinthians para a decisão de quarta-feira

    ver detalhes
  • Torcedores fizeram enormes filas no último sábado para garantir ingresso para o treino

    Ingressos do treino aberto do Corinthians são vendidos por até R$ 50; clube divulga nota oficial

    ver detalhes
  • Noite de decisão será de grande público na Arena Corinthians

    Corinthians divulga parcial de 38 mil ingressos vendidos para decisão contra o Flamengo

    ver detalhes
  • Nesta quarta-feira, Corinthians e Flamengo lutam por vaga na final da Copa do Brasil

    Copa do Brasil, treino aberto e decisão no feminino: a semana de compromissos do Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes