Cássio ignora desfalques na defesa do Corinthians e pede foco total para 'decisão' em Chapecó

Cássio ignora desfalques na defesa do Corinthians e pede foco total para 'decisão' em Chapecó

Por Meu Timão

2.0 mil visualizações 35 comentários Comunicar erro

Cássio concedeu entrevista coletiva após o treino da manhã desta terça-feira

Cássio concedeu entrevista coletiva após o treino da manhã desta terça-feira

Rodrigo Gazzanel/Ag. Corinthians

Se já não bastasse o peso de ter de se recuperar de uma derrota, o jogo contra a Chapecoense também será um teste de fogo para a desfalcada defesa do Corinthians. Com Balbuena lesionado e suspenso e Pablo ainda se recuperando, a zaga alvinegra será formada pelos garotos Léo Santos e Pedro Henrique. Além disso, Guilherme Arana também está fora da partida. As ausências, no entanto, não preocupam o goleiro Cássio.

"É o primeiro jogo que três titulares da defesa não jogam. Mas o Corinthians está com essa campanha porque o pessoal de fora está jogando bem. Temos total confiança nos profissionais que vão entrar, são promessas da base, mas são também jogadores que estão com a gente faz tempo e assim conhecem nosso trabalho", assegurou o arqueiro, em entrevista concedida após o treino desta terça-feira.

Leia também:
Treino do Corinthians tem discussão entre Fellipe Bastos e Clayton: 'Moleque do c...'
Sem Jadson e com Danilo, Corinthians relaciona 22 jogadores para viagem a Chapecó
Carille saca Clayson, mantém Jadson fora e escala Corinthians para enfrentar Chapecoense

Outro fator que parece não importar para o goleiro é a chance de abrir dez pontos na liderança do Brasileirão. Assim como a necessidade de recuperação, o camisa 12 não quer que isso pese para o grupo do Timão, que, segundo ele, tem de entrar em campo como tem entrado desde o início do Brasileirão.

"Todo jogo é decisivo. Não temos que nos preocupar se os outros estão perdendo ou ganhando. Lógico que é bom a gente pontuar e eles não. Mas temos que pensar no nosso jogo, não no que pode acontecer daqui cinco, seis jogos. Temos de fazer de cada partida uma decisão, continuar agindo dessa maneira", disse.

Vindo de boa vitória contra o Palmeiras, fora de casa, os catarinenses chegam com moral para o duelo. Além do último jogo da Chapecoense, o que também cobra atenção corinthiana é o resultado do duelo no primeiro turno, em Itaquera. Na oportunidade, as equipes ficaram no 1 a 1 - Jô marcou o gol do Timão.

"Atenção total. Temos total respeito pela Chapecoense, que tem jogadores de qualidade, já tem um padrão de jogo, é forte em sua casa. Esse último jogo fora de casa fez um grande resultado contra uma grande equipe. Temos que nos concentrar agora para buscar os três pontos lá", garantiu Cássio.

"É uma equipe bem aguerrida, luta muito, briga, compete até o final. Acredito que será um jogo bem competitivo, de muita entrega entre as duas equipes. Essa é a principal marca que temos da Chapecoense. Mas mudou muita coisa, o treinador... Recebemos informações e vamos preparados para lá", concluiu.

Veja mais em: Cássio e Campeonato Brasileiro.

Veja Mais:

  • Clayson, Luan, Sornoza, Marciel e Matheus Matias: confira o vaivém no Corinthians neste fim de 2018

    Corinthians no mercado da bola: saiba quem chega, quem sai e quem negocia com o Timão para 2019

    ver detalhes
  • Boa parte da grana deixada pelo torcedor na Arena Corinthians não vai para o Fundo

    Despesas levam R$ 15,5 mi da bilheteria do Corinthians em 2018; veja levantamento do Meu Timão

    ver detalhes
  • Torcida do Corinthians deposita altas doses de esperança no retorno de Carille

    Torcida do Corinthians coloca retorno do Carille no topo dos assuntos mais comentados do Brasil

    ver detalhes
  • Uendel, um dos alvos do Corinthians, tem 30 anos; 11 a mais que o atual titular Carlos Augusto

    Corinthians aumenta 'filtro de idade' em buscas indicadas por Carille no mercado da bola

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes