Cristian deixa Corinthians tendo custado R$ 285 mil por cada vez que entrou em campo

Cristian deixa Corinthians tendo custado R$ 285 mil por cada vez que entrou em campo

Por Meu Timão

3.4 mil visualizações 65 comentários Comunicar erro

Contrato de volante Cristian junto ao Timão se encerra ao fim desta temporada

Contrato de volante Cristian junto ao Timão se encerra ao fim desta temporada

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Após deixar o Corinthians, no ano de 2009, como campeão paulista e brasileiro sob o status de ídolo, o volante Cristian não esteve nem perto de repetir tamanha importância em sua segunda passagem pelo Timão, iniciada na temporada de 2015. Liberado e já em Porto Alegre para defender as cores do Grêmio, a presença do jogador no time do Parque São Jorge não justificou o custo/benefício que se esperava pela contratação.

A conta é simples: como o Corinthians deve continuar pagando a metade do salário do volante mesmo após a sua ida para a equipe gaúcha, o valor total desembolsado pelo Timão ao final do vínculo junto do atleta, no fim deste ano, deve superar R$ 14 milhões - entre salários e luvas. Assim sendo, com 49 partidas disputadas no período em que esteve à disposição do grupo alvinegro, Cristian custou ao clube paulista R$ 285 mil por cada vez que entrou em campo.

Dos 49 embates que atuou, 26 foram no ano de 2015, 21 na temporada de 2016 e, neste ano, esteve presente em apenas dois jogos. Isso aconteceu na vitória corinthiana por 4 a 1 sobre o Vasco, ainda pela Flórida Cup, na pré-temporada, e no êxito por 1 a 0 diante da Ferroviária, em confronto amistoso realizado no mês de fevereiro.

Leia também:
Com aprovação de Renato Gaúcho, Cristian já está em Porto Alegre para fechar com o Grêmio
Antes meia atacante, Fabrício Oya fala sobre nova função na equipe do Corinthians
De olho em clássico, Nilmar projeta outro gol em reencontro com Corinthians: 'Seria especial'

Trazido pelo presidente Roberto de Andrade ainda na reta final da gestão do ex-mandatário Mário Gobbi, e com o consentimento do então superintendente André Sanchez, o volante detinha uma das maiores folhas salarias do Timão - R$ 430 mil mensais.

Mesmo ganhando tanta grana, o atleta foi afastado do elenco corintiano pelo diretor de futebol do clube, Flávio Adalto, e pelo gerente de futebol, Alessandro Nunes, em meados da primeira fase do Campeonato Paulista de 2017.

Desde que perdeu espaço na equipe do técnico Fábio Carille, o jogador esteve cotado para sair do Corinthians. Chapecoense, Ponte Preta, Jorge Willstermann (Bolívia) mostraram interesse no volante, mas o coletivo do Grêmio, que já havia procurado o atleta em outras ocasião, é quem deve ficar o com futebolista. Já em Porto Alegre, Cristian deve realizar exames médicos e anunciar sua chegada oficial ao grupo tricolor em breve.

Veja mais em: Cristian.

Veja Mais:

  • Sidcley foi ao CT Joaquim Grava nesta quinta-feira

    Lateral do Atlético-PR é aprovado em exames médicos no CT do Corinthians

    ver detalhes
  • Ralf deve ser um dos inscritos ainda na primeira fase do Paulista

    Quatro reforços e duas vagas: Corinthians deixará dois nomes fora da primeira fase do Paulistão

    ver detalhes
  • Fiel promete lotar a casa corinthiana no primeiro Dérbi de 2018

    Torcida do Corinthians garante quase 40 mil ingressos para Dérbi na Arena

    ver detalhes
  • Romão e Carlinhos foram emprestados pelo Corinthians

    Corinthians empresta Carlinhos e Guilherme Romão para o Oeste

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes