'Decidindo', Oya recebe elogios no Corinthians: 'Sabemos da qualidade'

'Decidindo', Oya recebe elogios no Corinthians: 'Sabemos da qualidade'

Por Meu Timão

Meia Fabrício Oya, joia do Corinthians, anotou golaço de falta no último fim de semana

Meia Fabrício Oya, joia do Corinthians, anotou golaço de falta no último fim de semana

Foto: Rafaela de Oliveira/Meu Timão

Fabrício Oya evitou que o Corinthians saísse de campo derrotado na última sexta-feira. Nos acréscimos do jogo contra o Bragantino, fora de casa, pelo Campeonato Paulista Sub-20, o camisa 10 acertou bela cobrança de falta e assegurou aos visitantes o empate por 1 a 1. O talento do meio-campista em relação a bolas paradas é acompanhado de perto por quem entende do assunto dentro do Timão: Dyego Coelho.

Técnico da categoria corinthiana, Coelho tem moldado Oya a fim de que o meia evolua no fundamento e se torne especialista em cobranças de falta. Segundo o comandante, lembrado por tal característica nos tempos de jogador, Fabrício tem se dedicado e aprimorado o talento que possui.

“É muito legal ver um gol de falta como esse, pois hoje em dia não temos mais batedores de falta no Brasil né. Ver um menino com tanta qualidade, fazer um golaço desse, decidindo jogos, é muito satisfatório, fruto de muita dedicação dele, muito trabalho do menino e muita encheção nossa também, pois sabemos da qualidade que ele tem”, elogiou Coelho ao portal GloboEsporte.com.

Oya tem apenas 18 anos. Apesar da pouca idade, o jogador é tido como promessa das divisões de base do Corinthians e da Seleção Brasileira. Para o técnico do Timão, a principal missão está relacionada à ansiedade de um garoto como Oya, futuro profissional do clube.

“Esse tem sido o grande trabalho nosso (o controle da ansiedade). Nós sabemos que temos que formá-los, para quando chegar a oportunidade deles, eles concluírem da melhor maneira possível. Não é um trabalho fácil, ter que controlar essa ansiedade, trabalhar a parte técnica deles, então é algo que tem que ser realizado com muita cautela, para não queimar o jogador”, explicou o ex-atleta.

Leia também: Mesmo superior, Sub-20 do Corinthians fica no empate com Bragantino pelo Paulista

Integrante do elenco campeão da Copa São Paulo de juniores 2017, Oya sabe em quem se inspirar para seguir brilhando nas bolas paradas. Bons exemplos não faltam, até mesmo ligados à história do Corinthians.

“Desde pequeno, quando eu cheguei no Corinthians, eu sempre falei para os treinadores que queria treinar essas cobranças de falta, me tornar um especialista nisso. Eu sempre busco melhorar, para chegar no nível de grandes batedores de falta, como Zico, o Neto, o próprio Coelho, que agora me ajuda muito aqui, então eu só tenho a evoluir cada vez mais com essa comissão técnica e com a ajuda do pessoal aqui do clube”, finalizou.

Como o Meu Timão contou, Fabrício Oya passa por uma espécie de transformação no Parque São Jorge. Camisa 10 de ofício, o jovem vem desempenhando outras funções dentro de campo ao longo da temporada, como a de segundo volante. Experiência ruim? Nem tanto...

Veja o gol marcado por Oya sobre o Bragantino

🙏🏼⚪️⚫️ @corinthians @nikefootball

Uma publicação compartilhada por Fabricio Oya (@fabriciooya) em

Veja mais em: Base do Corinthians e Fabricio Oya.

Veja Mais:

  • Carille deve repetir a escalação utilizada na partida contra o Grêmio

    Titulares treinam e Carille esboça escalação do Corinthians contra o Botafogo

    ver detalhes
  • Pedrinho ainda trabalha para recuperar forma física ideal

    Irmã de Pedrinho revela anemia de jogador em conversa nas redes sociais; Corinthians explica

    ver detalhes
  • Carille não nega mudanças no time titular do Corinthians para enfrentar o Botafogo

    Carille confirma possibilidade de mudança, mas pontua: 'Não sou de desistir de jogador'

    ver detalhes
  • As meninas do Corinthians/Audax entram em campo neste sábado, às

    Corinthians/Audax faz jogo único contra Colo Colo por título inédito na Libertadores Feminina

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes