Arana comemora ano de afirmação e credita queda de rendimento a pausa: 'Acomodou um pouco'

Arana comemora ano de afirmação e credita queda de rendimento a pausa: 'Acomodou um pouco'

Por Meu Timão

Arana é um dos principais nomes da temporada alvinegra

Arana é um dos principais nomes da temporada alvinegra

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Titular absoluto do time de Carille, Guilherme Arana é um dos principais jogadores do Corinthians na temporada. Elogiado até por rivais, o lateral se firmou em 2017 e é apontado como o melhor do país em sua posição. Por conta de tudo isso, não consegue negar o peso que o ano tem em sua carreira. Mesmo assim, prega cautela para coroar os bons jogos com mais um título, o do Brasileirão.

"Esse é um ano que vai ficar marcado. 'Sé louco', nem eu esperava por isso. As coisas aconteceram muito rápido", disse o lateral, em entrevista ao Lance!.

"Campeonato Brasileiro você tem que ficar ligado a todo momento. É manter a seriedade, porque só faltam 12 jogos, então temos de dar a vida a cada rodada. Temos a vantagem, é claro, mas não podemos abaixar a guarda. Tem que trabalhar para ser coroado com o título", afirmou, pedindo atenção para as últimas partidas da competição.

Leia também: Contra vice-lanterna, Corinthians tenta evitar 'trinca do terror' na Arena

Ciente da queda de rendimento, Arana tenta entender o que aconteceu com o Timão. Para o camisa 13, o primeiro período sem jogos teve influência direta na quebra de ritmo do que a equipe vinha apresentando no primeiro turno. Mesmo com o baixo aproveitamento, nada de surpresa. Nesse sentido, o jogador voltou a lembrar o sentimento que os comandados de Carille despertavam na mídia no começo da temporada.

"Acho que foi aquela parada (duas semanas entre os jogos contra Sport e Vitória, por conta de duelo adiado contra a Chapecoense). Estávamos vindo em uma sequência muito boa, e depois teve a parada. Acho que acomodou um pouco, não sei. Perdemos uma (para o Vitória), e é normal sentir um pouco. Mas somos profissionais e temos de ter a consciência de que precisamos melhorar o futebol do segundo turno", analisou.

Leia também: Corinthians ganha sócios-torcedores, mas diferença aumenta para líder do Torcedômetro

"Para falar a verdade, isso era o que todos esperavam da gente no começo do ano. Ninguém botava fé, mas daí fizemos um primeiro turno espetacular. Claro que caímos agora, mas ainda bem que não foi só nosso time, todos estão oscilando. Temos que manter o foco, sabemos que temos que melhorar em alguns aspectos. Só depende de nós", completou.

Sem pensar no assédio europeu, Arana garante estar focado em bola e campo no Corinthians. Além do time alvinegro, outro objetivo se desenha para a próxima temporada: a Copa do Mundo. Mesmo com a enorme concorrência, o garoto do terrão sonha alto e torce por uma chance "de última hora".

"É difícil, mas não impossível. Todo jogador tem esse pensamento, sonha alto, quer disputar uma Copa do Mundo. O meu sonho é esse também, e vou em busca. Tenho 20 anos, com muito a aprender e a conquistar. Tenho que manter a cabeça boa", concluiu o lateral.

Veja mais em: Guilherme Arana e Campeonato Brasileiro.

Veja Mais:

  • Com bandeirões e muita festa, Fiel incentivou Timão no último treino aberto

    Corinthians abre à torcida último treino antes do jogo da taça

    ver detalhes
  • Kazim tatua taça do Brasileirão com provocação a rivais do Corinthians

    Kazim tatua taça do Brasileirão com provocação a rivais do Corinthians

    ver detalhes
  • Volante pode seguir os passos de Arana, também revelado pelo Corinthians

    Por possível transferência, agente de Maycon viaja à Europa nesta semana

    ver detalhes
  • Jô e Jadson voltaram a treinar no campo nesta quinta-feira

    Treino do Corinthians tem retornos, academia lotada e possível trote de despedida

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes