Cássio comenta prováveis mudanças para o Dérbi e valoriza trabalho de Carille no Corinthians

2.2 mil visualizações 27 comentários

Por Meu Timão

Arqueiro elogiou o treinador do Corinthians, com quem trabalha desde os tempos de auxiliar

Arqueiro elogiou o treinador do Corinthians, com quem trabalha desde os tempos de auxiliar

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Vivendo momento delicado no Campeonato Brasileiro, o Corinthians deve ter mudanças para enfrentar o Palmeiras no domingo, às 17h. A possibilidade de troca é real depois dos dois treinos em que Carille manteve Maycon e Jadson no banco, dando lugar a Camacho e Clayson.

Perguntado sobre as alterações, Cássio falou, sobretudo, do camisa 25, que deve dar mais ofensividade ao time alvinegro. Para o arqueiro, porém, a equipe perde qualidade de passe.

"Sobre o Clayson, se houver a mudança e ele jogar, é um jogador de velocidade, mais rápido. Com a saída do Jadson perdemos na bola parada, bola enfiada, ele tem muita qualidade para colocar o outro jogador na cara do gol. Não é que a gente melhora, é diferente. São dois grandes jogadores", analisou, em coletiva concedida após o treinamento nesta quinta-feira.

"É opção dele (Carille). Ele que escolhe, estamos aí aptos. Mesmo que haja mudança, não vemos desconfiança de quem não vai jogar. Os treinos estão bem pegados, disputados, isso mostra comprometimento e respeito à decisão do treinador. Nós temos que acatar, ele é nosso treinador e decide o time", completou.

Leia também:
Cássio ironiza notícia sobre possível mala branca ao Cruzeiro; meia celeste detona
Cássio nega Corinthians satisfeito com o empate e relembra sucesso em Dérbis no ano

Depois de pregar respeito às escolhas de Carille, Cássio foi questionado se o treinador, que faz seu primeiro trabalho em uma equipe profissional, já está consolidado na nova função - foi auxiliar por nove anos. Não satisfeito em dizer que sim, o goleiro rasgou elogios ao técnico e fez comparações com o Tite, ídolo do Corinthians.

"Com certeza, sim (é consolidado). Não é possível que um treinador que está há mais de 50 jogos no Corinthians, um clube que para muitos ia brigar lá em baixo, penar, não seja. Ele ganhou o Campeonato Paulista e fez o que muitos treinadores conceituados não conseguiram no Corinthians", ressaltou.

"Ele é um cara honesto, cobra dos jogadores, tem uma linha de trabalho parecida com a do Tite, não faz distinção de mais velho ou mais novo. Ele sempre está disposto a aprender, evoluir e crescer na profissão", concluiu.

Veja mais em: Cássio, Fábio Carille e Campeonato Brasileiro.

Veja Mais:

  • Corinthians e Palmeiras abrem 2021 com clássico no dia 6 de janeiro

    Corinthians conhece detalhes de Dérbi que abre 2021 e de outros três jogos do Brasileirão

    ver detalhes
  • Cássio tira a bola dos pés de adversário na partida contra o Fortaleza

    Fiel elege Cássio e Jô como os melhores do Corinthians contra o Fortaleza; meia é o pior

    ver detalhes
  • Corinthians tenta manter liderança do Brasileirão Sub-20 em duelo com São Paulo

    Corinthians visita São Paulo para manter liderança no Brasileirão Sub-20; saiba tudo

    ver detalhes
  • Fagner em ação na partida contra o Fortaleza, no Castelão

    Corinthians encontra problemas na criação e fica apenas no empate com o Fortaleza

    ver detalhes
  • Mario Boselli continua treinando no CT Joaquim Grava

    Mancini explica ausência de Boselli e deixa no ar possibilidade de ainda utilizá-lo no Corinthians

    ver detalhes
  • Corinthians segue em busca de se consolidar na parte de cima do Brasileirão

    Corinthians ganha posição e se distancia da zona de rebaixamento do Brasileirão; veja tabela

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: