'Pressionado', Tite elogia Jô e não descarta testar atacante às vésperas da Copa

46 mil visualizações 55 comentários Comunicar erro

Por Meu Timão

Jô celebra um de seus 18 gols marcados no Brasileirão

Jô celebra um de seus 18 gols marcados no Brasileirão

Rodrigo Gazzanel/Ag. Corinthians

Artilheiro do Corinthians no ano e no Brasileirão, o centroavante Jô terá uma motivação a mais para seguir em alto nível em 2018. O desempenho do camisa 7 ao longo da atual temporada foi acompanhado de perto pelo técnico da Seleção Brasileira, Tite, que não descarta promover testes às vésperas da Copa do Mundo da Rússia.

Leia também: Seleção da América na temporada pode ter quatro jogadores do Corinthians; saiba como votar

De acordo com Tite, que esteve presente no sorteio dos grupos da Copa, realizado na última sexta-feira, em Moscou, Jô está no rol de atletas cujo desempenho é monitorado pela comissão técnica do Brasil. Assim, se o centroavante mantiver o ritmo ano que vem, dificilmente não receberá oportunidades para mostrar serviço com a Amarelinha nos meses que antecedem o Mundial.

“O Gabriel Jesus faz o pivô, mas tem diversidade, velocidade para bola de profundidade. Opções de jogador alto temos o Diego Souza, o Firmino é mais móvel, participativo, não é da força, mas é da inteligência na combinação de jogadas, é muito inteligente. E tem o Jô, que fez um grande campeonato, então a gente busca essas opções e está em aberto ter essa outra opção”, disse Tite, em entrevista ao site Uol, ao elencar as características dos atacantes costumeiramente convocados e Jô.

Referência ofensiva do Corinthians campeão paulista e brasileiro em 2017, Jô marcou 25 gols em todo o ano (18 deles na Série A) em 61 jogos. A bem dizer, o Corinthians ainda tem um último confronto, neste domingo, diante do Sport, em Recife, mas o centroavante sequer foi relacionado e, portanto, não conseguirá aumentar suas marcas antes das férias.

Leia também:
Rodriguinho prevê Corinthians forte em 2018 e mantém vivo sonho de ir à Copa
Campeão em 2011, Marquinhos diz ter celebrado hepta do Corinthians e ensaia retorno

Para Tite, o crescimento individual de jogadores como Jô e os gremistas Arthur e Pedro Geromel, recém-campeões da Copa Libertadores da América, não pode ser deixado de lado, ainda que grande parte do plantel que estará na Rússia já tenha sido definida.

“Eu pressiono os atletas para atuarem em alto nível pelos clubes, eles me pressionam com o desempenho. São campeões da Libertadores, Arthur, Geromel. Tem o Corinthians, com o Jô, Fagner, Cássio. É performance individual, agregada a experiências de alto nível.

Veja mais em: , Corinthianos na Seleção e Tite.

Veja Mais:

  • Marllon deve formar dupla com Bruno Méndez no embate com o Cruzeiro no sábado

    Corinthians se reapresenta, e Carille prepara zaga reserva para jogo contra o Cruzeiro

    ver detalhes
  • Corinthians não conseguiu forçar terceiro jogo final no torneio estadual

    Corinthians perde força nos dois últimos quartos e fica com o vice do Paulista de Basquete

    ver detalhes
  • Jogador tem passagens pela Seleção Brasileira

    Zagueiro com passagem pela Seleção Brasileira diz que sonha em jogar no Corinthians

    ver detalhes
  • Torcedor foi agredido em frente à sub-sede da Torcida Jovem por passar pelo local com camisa do Corinthians

    Torcedor do Corinthians é agredido por integrantes de organizada do Santos

    ver detalhes
  • Vic Albuquerque durante comemoração do primeiro gol da vitória corinthiana

    Corinthians supera colombianas na Libertadores Feminina e encaminha vaga para próxima fase

    ver detalhes
  • Momento em que Dudu, do Goiás, toca na bola com o braço

    'Zerado' no primeiro semestre, Corinthians chega ao quarto pênalti em 2019; veja curiosidades

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: