Cássio registra encontro com ídolo Córdoba, goleiro carrasco de arquirrival do Corinthians

Cássio registra encontro com ídolo Córdoba, goleiro carrasco de arquirrival do Corinthians

Por Meu Timão

5.5 mil visualizações 33 comentários Comunicar erro

Já nos Estados Unidos, onde o Corinthians disputa a Florida Cup, o goleiro Cássio se encontrou com um ex-jogador para lá de especial na noite desse domingo: o colombiano Óscar Córdoba, tido como um dos maiores arqueiros da Colômbia de todos os tempos.

Cássio aproveitou o momento para registrar uma foto ao lado do veterano. Na publicação feita em seu perfil no Instagram, escreveu a seguinte legenda: “Meu ídolo”, além de emojis exaltando o ex-goleiro da seleção colombiana.

O encontro com Córdoba de fato tem importância para Cássio. Em entrevista recente ao programa No Ar com Andre Henning, dos canais Esporte Interativo, o jogador do Corinthians escolheu o colombiano ao eleger sua “seleção ideal”.

“Foi um cara que eu me inspirei muito e gostava de ver quando comecei (a jogar futebol) na minha infância: Óscar Córdoba. Foi um goleiro colombiano, jogou no Boca Juniors, jogou no Besiktas e foi um cara que, quando eu quis ser goleiro, foi o primeiro que vi, primeiro que eu gostei”, descreveu Cássio.

Leia também:
Cássio comemora renovação com Corinthians nas redes sociais e agradece Fiel
Cássio pode alcançar outra marca no Corinthians já no Paulista

Em tom bem-humorado, o goleiro do Timão também recordou uma das principais razões de Óscar ser conhecido no Brasil. Na decisão da Copa Libertadores de 2000, contra o Palmeiras, o goleiro, à época do Boca Juniors, defendeu duas cobranças de pênalti e levou a equipe de Buenos Aires ao título continental, se tornando carrasco do arquirrival do Corinthians.

Até, coincidentemente, foi contra o Palmeiras (risos). Depois eu comecei a acompanhar a carreira... Coloco Óscar Córdoba!”, acrescentou.

Confira a publicação de Cássio

Cássio e o ídolo Córdoba

Cássio e o ídolo Córdoba

Reprodução/Instagram Stories

Veja mais em: Cássio.

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes