Corinthianos deixam campo às lágrimas após queda na Copinha; Coelho: 'Perdemos para nós mesmos'

Corinthianos deixam campo às lágrimas após queda na Copinha; Coelho: 'Perdemos para nós mesmos'

27 mil visualizações 226 comentários Comunicar erro

Bilu esconde choro após derrota do Timão para o Avaí

Bilu esconde choro após derrota do Timão para o Avaí

Foto: Reprodução/SporTV

A eliminação do Corinthians na Copa São Paulo de Futebol Júnior, na noite desta terça-feira, em Araraquara, para o Avaí, foi dolorosa. Logo após o apito final, alguns jogadores do Timãozinho desabaram em lágrimas no gramado da Arena Fonte Luminosa, entre eles o atacante Rafael Bilu, que falhou no segundo gol dos catarinenses.

Irreconhecível, o Corinthians viu o Avaí abrir o placar com Rael, que converteu pênalti cometido pelo volante Lucas Minele. No segundo tempo, Bilu errou ao recuar uma bola para a defesa e a entregou para Alisson, que avançou em velocidade, driblou o goleiro Filipe e ampliou.

Em entrevista concedida após a queda, o técnico Dyego Coelho fez questão de ressaltar as falhas de sua própria equipe em vez de reconhecer a superioridade do Avaí.

“Primeiro que a gente só ganha quando o jogo começa. É uma lição que a gente precisa ensinar pra eles, pra quem está começando agora. Eu perdi um jogo onde nós perdemos para nós mesmos. É dizer que dói uma eliminação, só que eles precisam entender que futebol é assim. Temos que aceitar e dar os parabéns ao adversário. É uma construção, Corinthians continua construindo seus jogadores. Nem tudo está errado aqui dentro”, disse Coelho.

Leia também:
Falhas individuais custam caro, e Corinthians é eliminado da Copinha
De volta ao Brasil, Carille se aprofundará na análise dos meninos do Corinthians na Copinha

Ao ser questionado sobre o bom desempenho do Avaí, que enfrentará o Flamengo nas quartas de final da Copinha, Coelho repetiu o discurso e lamentou a maneira como o Timãozinho entrou em campo.

“O Avaí se retrancou bem. Tecnicamente, a gente estava muito abaixo novamente e muito ansiosos, querendo resolver tudo a qualquer custo. Você tem de ter tranquilidade. A concentração de início, primeiro tempo muito ruim... São situações que todos temos que entender, que para jogar futebol temos de estar todos concentrados”, finalizou.

Veja mais em: Dyego Coelho, Base do Corinthians, Copinha e Corinthians Sub-20.

Veja Mais:

  • Roger marcou o segundo gol corinthiano no duelo deste domingo

    Corinthians vira nos acréscimos, mas ainda leva gol de empate e tropeça no Vitória

    ver detalhes
  • Ralf foi eleito craque da partida no entendimento dos torcedores do Corinthians

    Veteranos são eleitos craques do Corinthians no Barradão; Avelar beira nota zero

    ver detalhes
  • Jadson foi autor do primeiro gol do Corinthians contra o Vitória, em Salvador

    Jadson reconhece situação desconfortável do Corinthians no Brasileiro e lamenta 'gols dados'

    ver detalhes
  • Jair revelou que o emocional pesou bastante em Salvador

    Jair Ventura lamenta gol de empate aos 47 do segundo tempo e fala em 'jogo de mochila cheia'

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes