De confusão com número da camisa a gol do título: ídolo do Corinthians completa 68 anos

De confusão com número da camisa a gol do título: ídolo do Corinthians completa 68 anos

Por Meu Timão

2.4 mil visualizações 28 comentários Comunicar erro

Vaguinho foi um dos grandes nomes a passar pelo Corinthians nos 108 anos de história do clube

Vaguinho foi um dos grandes nomes a passar pelo Corinthians nos 108 anos de história do clube

Foto: Divulgação/Corinthians

Um dos protagonistas da história do Corinthians faz aniversário neste domingo. Trata-se do ex-ponta-direita Vaguinho, que completa 68 anos de idade neste dia 11 de fevereiro.

Vaguinho é o sexto jogador que por mais vezes defendeu o Corinthians, com 551 jogos no currículo. Foram dez anos, de 1971 a 1981, no Parque São Jorge, afinal de contas.

Um episódio, no entanto, se destacou dos demais na bonita trajetória de Vaguinho no Corinthians. Foi ele o autor do gol do Timão na segunda partida da histórica final do Paulistão de 1977, contra a Ponte Preta.

"O Brandão optou por me tirar do time por uma questão tática. Meu estilo de jogo era de um futebol para frente, e ele optou por aderir uma postura mais defensiva. Quando veio me avisar que iniciaria a partida no banco, eu não aceitei e disse que não ficaria fora da foto do título. Ele me disse que eu entraria no segundo tempo e faria o gol do título", relembrou, em entrevista recente concedida ao site do Corinthians.

"A raiva que eu senti dele naquele momento me motivou tanto que acabei fazendo o gol quando entrei no lugar do Palhinha. A minha ideia era fazer o gol, desabafar com o Brandão e ir embora do jogo, mas pensei muito na minha mulher e na minha filha, que era recém nascida, e mudei de ideia", completou.

Curiosidade - Durante a campanha do título paulista de 1977, Vaguinho protagonizou uma espécie de imbróglio nos bastidores corinthianos. O ponta batia o pé porque não queria utilizar a camisa 15, mas o regulamento não permitia que jogadores reservas utilizassem números entre 1 e 11. Assim, o corinthiano teve de ceder e aceitar o número que lhe foi oferecido inicialmente.

Veja mais em: Ídolos do Corinthians e Ex-jogadores do Corinthians.

Veja Mais:

  • Timão levou gol bizarro em Campinas e só empatou com Red Bull

    Defesa bate cabeça, e Corinthians tropeça diante do Red Bull em noite de gols contra

    ver detalhes
  • Renê Júnior (à dir.) fez sua estreia como titular e deixou boa impressão

    'Salva' de tropeço, dupla corinthiana empata na escolha do craque da partida

    ver detalhes
  • Atuação de Romão em derrota para Ponte Preta preocupou comissão técnica

    Após contratar Juninho, Corinthians busca novo lateral-esquerdo no mercado; Carille explica

    ver detalhes
  • Autora da obra, Katia Bagnarelli é viúva do eterno Doutor

    História de Sócrates é celebrada em lançamento de autobiografia nesta segunda-feira

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes