Datena batizado com uísque?! Corinthians revive reportagem histórica de Sócrates no Carnaval

Datena batizado com uísque?! Corinthians revive reportagem histórica de Sócrates no Carnaval

Por Meu Timão

2.3 mil visualizações 36 comentários Comunicar erro

A década de 80 proporcionou muitos momentos marcantes para torcedores do Corinthians e brasileiros de forma geral. Quando "turbinados" com a folia carnavalesca, então...

Foi mais ou menos assim que o ex-meia Sócrates, na época ainda construindo sua trajetória como ídolo do Corinthians, concedeu uma histórica entrevista ao jornalista José Luiz Datena.

Por meio das redes sociais, o Corinthians compartilhou nesta terça-feira de folia o vídeo de pouco mais de quatro minutos de duração - assista às imagens abaixo. Na legenda da publicação, o perfil do clube descreveu a reportagem como "uma aula de Carnaval".

Leia também:
Viralizam na internet fotos espetaculares da torcida do Corinthians no desfile da Gaviões
Romero faz selfie em desfile da Gaviões, Corinthians publica foto e inicia campanha
Sabrina Sato plena e rainha de bateria de castigo: o desfile da Gaviões da Fiel

Passando o feriado de Carnaval com amigos de infância, Sócrates recebeu Datena em Ribeirão Preto. Dentro de casa, o corinthiano "deu trabalho" para o entrevistador:

"Na primeira tentativa de gravação, fui batizado com uma dose de uísque", contou Datena. "O Magrão fugiu pela janela fantasiado, segundo ele mesmo, de nada. O vestido ele pegou de sua mulher, Dona Regina. Na cintura, uma faixa de esparadrapo. Na cabaça, uma cartola cor-de-rosa. No pescoço, um tule azul", completou.

Visivelmente alterado em meio à folia, Sócrates protagonizou outro momento épico durante o bate-papo com Datena, quando o repórter questionava se o meia chegaria ao Parque São Jorge no dia seguinte em condições de treinar:

"Vai chegar para treinar no Corinthians inteiro?"

"Não escutei."

"Para esta última noite de Carnaval, vai curtir com tudo e depois chega amanhã inteiro para treinar no Corinthians?"

"É... Cansado, né? Cansado e de ressaca."

Sócrates, não custa lembrar, defendeu o Corinthians de 1978 a 1984, marcando 172 gols em 298 jogos. Ele foi tricampeão paulista pelo clube nos anos de 1979, 1982 e 1983. Faleceu em 4 de dezembro de 2011, no mesmo dia em que o Timão conquistou o penta do Brasileirão.

Confira a reportagem de Datena com Sócrates

Veja mais em: Ídolos do Corinthians e Ex-jogadores do Corinthians.

Veja Mais:

  • Rodriguinho lamenta oportunidade desperdiçada pelo ataque corinthiano

    Corinthians sufoca Millonarios, não é eficaz e perde na estreia de Loss

    ver detalhes
  • Seguro defensivamente e boa opção na frente, Sidcley foi eleito melhor do Corinthians

    Sidcley vai bem e Rodriguinho destoa: veja as notas dos corinthianos em derrota na Arena

    ver detalhes
  • Corinthians pode reencontrar Boca Juniors nas oitavas de final da Libertadores-2018

    Sete cascudos e um novato: os possíveis rivais do Corinthians nas oitavas da Libertadores

    ver detalhes
  • À espera da estreia, reforço do Corinthians faz tatuagem alusiva ao clube

    À espera da estreia, reforço do Corinthians faz tatuagem alusiva ao clube

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes