Após contratar Juninho, Corinthians busca novo lateral-esquerdo no mercado; Carille explica

Após contratar Juninho, Corinthians busca novo lateral-esquerdo no mercado; Carille explica

Por Vinícius Souza e Rodrigo Vessoni

36 mil visualizações 546 comentários Comunicar erro

Atuação de Romão em derrota para Ponte Preta preocupou comissão técnica

Atuação de Romão em derrota para Ponte Preta preocupou comissão técnica

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

A comissão técnica e a diretoria do Corinthians não buscam apenas um camisa 9 no mercado da bola. Depois de contratar Juninho Capixaba do Bahia e integrar o jovem Guilherme Romão, o Timão entende ser necessária a chegada de um novo lateral-esquerdo. Foi o que o técnico Fábio Carille revelou em entrevista coletiva após o empate por 1 a 1 com o Red Bull Brasil.

Segundo Carille, com a possibilidade de perder Juninho Capixaba por lesão – ele teve de ser substituído após entorse no tornozelo esquerdo –, a tendência é o volante Maycon ser improvisado na lateral esquerda no clássico contra o Palmeiras. Romão, até então reserva imediato de Capixaba, ainda não convenceu a comissão técnica.

“Vamos ver, vamos aguardar. O Romão é um jovem que sentiu muito no jogo contra a Ponte, ficamos preocupados, nos treinos está mostrando isso, é dar um tempo. Se o Juninho não tiver condições, é bem provável que seja o Maycon na lateral”, afirmou Carille.

Questionado sobre o motivo de o Corinthians ir ao mercado atrás de outro lateral justamente depois de desembolsar R$ 6 milhões e ceder o goleiro Douglas ao Bahia em definitivo por Juninho, Carille foi direto:

Porque sempre teve dois laterais-esquerdo. Romão é um meia-atacante que está sendo trabalhando ali também. Todo time precisa de dois por posição. Só por isso”, justificou, antes de reiterar a chance de escalar Maycon no Dérbi.

Leia também:
Sheik questiona gol anulado e projeta Corinthians 'evoluído' no clássico contra Palmeiras
Após empate em Campinas, Corinthians e Red Bull voltam a se enfrentar nesta terça-feira

“Pode ser. Vamos aguardar os resultados dos exames que vão ser feitos no Juninho, já venho trabalhando ele (Maycon) ali, já jogou um ano na base como lateral-esquerdo, não é uma posição tão desconhecida pra ele”, finalizou.

O Corinthians só empatou com o Red Bull nesta noite de quarta-feira. Os dois gols do confronto foram contra, do zagueiro Tiago Alves e do próprio lateral Juninho Capixaba. Sem vencer há três rodadas, o Timão volta a campo no sábado, frente ao rival Palmeiras, às 17h, na Arena Corinthians.

Sobre a fase de adaptação de Juninho no Corinthians

“Vestir essa camisa não é fácil. Vamos relembrar um pouquinho, Uendel chegou e ficou dois anos no banco. Fábio (Santos) saiu, assumiu o Arana, que estava desde 2015 com a gente. Vem criando um lastro. Quando esses jogadores chegam e têm que ir pra campo, muitas vezes o cara sente. Aconteceu isso com Giovanni Augusto, Marquinhos Gabriel em 2016... Castán ficou um ano no banco. Requer um tempo. Tivemos de acelerar o processo, ele vem sentindo, mas vai ter todo apoio nosso”, disse Carille.

Veja mais em: Mercado da bola, Juninho Capixaba, Guilherme Romão, Diretoria do Corinthians e Fábio Carille.

Veja Mais:

  • Goleada da Inglaterra inspirou memes de corinthianos

    Torcida do Corinthians usa goleada da Inglaterra para provocar São Paulo nas redes sociais

    ver detalhes
  • Bernard, Marinho e Sánchez são algumas sugestões da Fiel ao Corinthians

    Sete sugestões de contratação da Fiel ao Corinthians para o segundo semestre de 2018

    ver detalhes
  • Fagner deve atuar novamente como titular contra a Sérvia

    Feliz por oportunidade, Fagner se vê pronto para Copa como titular mesmo atuando no Brasil

    ver detalhes
  • Renan Areias (no centro) está no Corinthians desde os seis anos de idade

    Corinthians empresta capitão do Sub-20 para o Red Bull Brasil

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes